Acorda Cidade | Dilton Coutinho | Portal de notícias de Feira de Santana - Bahia

19º 27º Feira de Santana
23 de agosto de 2017

Notícias

Esportes

Empregos

Lazer

Especial

Todas as notícias Mundo do trabalho

Cinco formas de pensar fora da caixa

14/12/2016 14h42
Pensar fora da caixa nada mais é do que buscar inovações e soluções diferentes para os problemas da sua empresa.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Cinco formas de pensar fora da caixa
Foto: Reprodução

Acorda Cidade

No mundo do empreendedorismo eu já ouvi muitas vezes o termo – “think outside the box”, o popular pense fora da caixa. Isso pode soar como um clichê depois que você ouve todo mundo falando e repetindo a mesma coisa, mas na verdade esta é uma das competências que eu considero como sendo uma das mais importantes a todo empreendedor que deseja levar seu negócio definitivamente para o próximo nível.

Pensar fora da caixa nada mais é do que buscar inovações e soluções diferentes para os problemas da sua empresa. Significa sair do óbvio, do lugar comum e abrir-se a experimentar alternativas novas e que, muitas vezes, fogem totalmente do convencional.

Olhando para as novas gerações de empreendedores parece que todos naturalmente já nasceram fora da caixa, certo? Não, muito pelo contrário, muitos herdaram crenças, ideias e costumes arcaicos e conservadores que realmente limitam o avanço do seu negócio e até mesmo colocam em risco a sua perpetuidade. Portanto, pensar fora da caixa não é um modismo, mas sim uma necessidade para a sobrevivência e evolução da sua empresa.

Ao ler isto, imagino que você esteja ai se perguntando – Como fazer isso? Como aprender a pensar fora da caixa? O primeiro exercício “think outside the box” é pensar em – Como você pode resolver seus problemas de forma diferente e também em como você pode exercitar sua mente e visão para pensar diferente e enxergar além do que os olhos comuns podem ver.

Não, você não precisa desenvolver a visão do super – homem para isso, mas sim ampliar seu mindset e perceber a infinidade de possibilidades à sua volta. Está pronto? Quer saber como fazer isso? Continue lendo e confira!

5 Formas de Pensar Fora da Caixa

Aprenda Algo Diferente Sempre

Aprender com o exemplo de sucesso do outro é aprender a pensar e sair da caixa

Uma das formas de ficar encaixotado é concentrar-se apenas nas particularidades do seu negócio e esquecer-se de tudo ao seu redor. Para fugir desta armadilha é importante que busque conhecer também outras áreas do conhecimento ou mesmo tipos de negócios diferentes, mas com problemas similares aos seus. Procure saber como uma grande indústria resolveu, por exemplo, o problema de desperdício de matéria-prima e veja se a solução por ela empregada também não pode ser útil para você. Conhecer novos universos traz novas perspectivas e amplia sua visão sobre seu próprio negócio. Experimente!

Aceite Novos Desafios

Já diz o ditado – “Quem não arrisca, não petisca!”

Quando somos desafiados em nosso negócio a tendência natural é se utilizar daquilo que já foi feito para não se arriscar, entretanto, para entregar um “overdelivery” aquele algo a mais que encanta e fideliza seus clientes, é preciso ir além e propor novas soluções também. Isso significar se arriscar; sair da zona de conforto, literalmente da caixa e dos padrões e ser mais criativo, inovador e oferecer soluções realmente customizadas, ou seja, feitas especialmente para atender as necessidades e objetivos do seu cliente.

Vença seus Bloqueios Mentais

Vencer os bloqueios mentais é essencial para a sua criatividade expandir

Sabe o que te impende de pensar e agir diferente? Os seus bloqueios mentais, que podem ser tanto um “branco em suas ideias” num momento decisivo ou ainda aquelas ideias ultrapassadas que te fazem seguir sempre na mesma direção e não arriscar nada diferente para sua empresa.

Neste sentido, diversos estudos sugerem que conseguimos ser mais criativos quando de certo modo nos distanciamos psicologicamente do problema, ou seja, quando nos colocamos a resolver os problemas como se fossem de outra pessoa e não nossos.

Por exemplo – O que eu faria no lugar do x empreendedor? Que ideias eu daria para ele? Como estas ideias poderiam ajudá-lo a soluciona seu problema? Como poderia resolver seu dilema de forma mais eficiente?

Amplie sua visão e faça as perguntas certas

Para ter resultados diferentes, é preciso pensar diferente também!

Compreender o problema é essencial para definir as melhores soluções para ele. Isso não significa parar um tempo para reclamar e apontar todas as suas consequências, mas sim reunir opiniões e visões de pessoas criativas e diferentes sobre o assunto, de modo a expandir sua visão e encontrar respostas pertinentes.

O processo aqui é de fazer as perguntas certas como, por exemplo – Quem pode nos ajudar a resolver o problema? O que podemos fazer com o que temos? Precisaremos de algo a mais (recursos, tempo, profissionais) para solucionar o dilema? Cada questão trará questionamentos diferentes, pense fora da caixa e prepare-se para respondê-los.

Conheça pessoas diferentes

Conhecer pessoas com ideias diferentes das nossas ajudam a ampliar nossa visão de mundo!

Normalmente tendemos a nos relacionar com pessoas que pensam como nós, que têm os mesmos hábitos, comportamentos, ideias e costumes, que frequentam os mesmos lugares e gostam das mesmas coisas que nós. Isso pode ser bom em parte, mas por outro lado também reduz muito a nossa visão de mundo, deixando-a de certo modo estreita e limitada.

Uma forma eficiente de aprender a pensar fora da caixa é conhecendo gente diferente de nós, que vive sua vida de modo diferente, que faz coisas que não fazemos, mas que também são muito interessantes. Esta troca de experiências e insights é sempre muito rica e abre a nossa mente de diversas formas. Permita-se!

Bônus Dica 6 – Cultive emoções positivas

Ficar de mau humor só atrapalha sua criatividade. Mantenha-se positivo!

Além de todos estes comportamentos citados acima, uma pesquisa da Universidade de Rice, nos Estados Unidos, mostrou que para pensar fora da caixa é fundamental saber controlar as emoções negativas.

Quando estamos preocupados, geralmente temos pensamentos negativos que só nos levam a ver apenas os pontos negativos do problema também. Portanto, vá pelo caminho contrário e, mesmo em situações difíceis na empresa, procure manter suas emoções e pensamentos positivos equilibrados.

Isso vai ajudar a manter a qualidade do seu humor, estimular sua criatividade e propor soluções com mais rapidez e efetividade.

Pense nisso, ou melhor, pense fora da caixa e leve o conceito do “think outside the box” para sua empresa, seus negócios e sua vida. 

É muito importante a sua participação. Envie para nós a sua sugestão de correção.



É muito importante a sua participação. Em breve entraremos em contato.



Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Veja também

PodCast

MPF defende anulação de norma que autoriza delegados e policiais federais a porte de arma em voos domésticos

mais podcast ›

Videos

Cresce procura por danças orientais em Feira