Acorda Cidade - Dilton Coutinho

01 de Agosto de 2021
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Feira de Santana

Todas as notícias
Publicado em 24/06/2021 15h38.

Mesmo com feriado suspenso, comércio de Feira de Santana teve fraco movimento e muitas das lojas fechadas

Comerciantes que abriram reclamaram de prejuízos.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Mesmo com feriado suspenso, comércio de Feira de Santana teve fraco movimento e muitas das lojas fechadas
Foto: Ney Silva/Acorda Cidade | Rua Sales Barbosa

Andrea Trindade

Autorizado a funcionar nesta quinta-feira (24), após o prefeito Colbert Filho adiar o feriado de São João, o comércio de Feira de Santana teve movimento fraco e muitas lojas fechadas. Para os comerciantes, abrir lojas em um dia como o de hoje é sinônimo de prejuízo.

Na Rua Sales Barbosa e Avenida Senhor dos Passos, quase todas as lojas estavam fechadas. No Centro de Abastecimento, vários setores como de frutas, verduras e carnes tiveram pouca movimentação. O setor de laticínios que até quarta-feira estava com grande demanda, hoje esteve com a maioria dos boxes fechados.

Foto: Ney Silva/Acorda Cidade

O funcionário de uma loja de calçados, Leandro Carvalho, disse ao Acorda Cidade que esperava um movimento maior. Ele trabalha com comissão e não ficou satisfeito com as vendas.

“Foi bem fraco, eu esperava um movimento maior, não tem nenhum cliente para a gente atender, sou comissionado e não fiquei satisfeito, poucas pessoas”, reclamou.

O comércio de Feira foi autorizado por meio de decreto municipal a funcionar normalmente até às 18h, mas os empresários que abriram seus estabelecimentos fecharam mais cedo. A abertura foi opcional. 

Foto: Ney Silva/Acorda Cidade

O gerente de uma loja de confecções na Sales Barbosa, Valdir Pereira, esperava um movimento bom, mas não ficou surpreso com a situação e reclamou dos prejuízos.

“A gente esperava que o comércio tivesse um movimento melhor hoje, e não ocorreu o que a gente esperava. Acho que foi culpa da prefeitura porque deveria abrir antes do São João, nos dois domingos anteriores. Hoje o pessoal fica em casa com a família até mais tarde, e não viria pra rua. O que teria que ser comprado, foi antes. A gente teve que pagar o vale transporte que não estava programado pra hoje, despesas de água, luz, telefone, funcionários que ganham salário fixo, infelizmente foi um prejuízo total. Vamos rever isso aí futuramente para não termos outros prejuízos”, afirmou.

Foto: Ney Silva/Acorda Cidade


Maria Aparecida Mercês trabalha no setor de laticínios do Centro de Abastecimento. Ela disse que durante a semana foi bom, mas nesta quinta-feira estava praticamente tudo fechado.

“O movimento desta semana não deixou a desejar, foi um movimento muito bom, foi o esperado e eu esperaria mais se não fosse a pandemia. No ano passado o movimento foi bem mais fraco, neste ano foi melhor. Já neste feriado foi muito fraco, muitos comerciantes não abriram e os poucos que abriram não tiveram muitos clientes.”
 

Com informações do repórter Ney Silva do Acorda Cidade

Fotos: Ney Silva/Acorda Cidade

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Manifestantes saem às ruas de Feira de Santana em favor do voto impresso nas eleições
Feira de Santana

Manifestantes saem às ruas de Feira de Santana em favor do voto impresso nas eleições

A concentração ocorreu na Avenida Getúlio Vargas, embaixo do viaduto da Avenida João Durval.

Festa clandestina com mais de 200 pessoas é encerrada pela fiscalização em Feira de Santana
Feira de Santana

Festa clandestina com mais de 200 pessoas é encerrada pela fiscalização em Feira de Santana

De sexta-feira para sábado, a FPI acabou com um evento clandestino no bairro Asa Branca, onde foram dispersad...

Programa Pró-Cultura Esporte busca captação de recursos junto a empresas
Feira de Santana

Programa Pró-Cultura Esporte busca captação de recursos junto a empresas

As empresas poderão destinar até 20% do tributo ao programa.

Vídeo

Fiéis celebram o dia de Senhora SantAna na Catedral Metropolitana de Feira de Santana Veja mais Vídeos ›

Ouça Agora

Programa desta sexta-feira 30.07:
Mais áudios ›

Facebook

Instagram