Acorda Cidade - Dilton Coutinho

  • Governo Micareta
  • Governo Micareta
  • Governo Micareta
24 de Abril de 2019
Dólar: R$ 3,84 Euro: R$ 4,39
-17º -17º Feira de Santana
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Bahia

Todas as notícias
Publicado em 08/11/2018 13h33.

Viabahia e ANTT terão que manter iluminação adequada na BR-324, determina Justiça Federal

As providências devem ser realizadas no trajeto entre o Shopping Bela Vista e a Estação Pirajá .
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Viabahia e ANTT terão que manter iluminação adequada na BR-324, determina Justiça Federal
Foto: Raul Spinassé/Ag. A Tarde

Acorda Cidade

A pedido do Ministério Público Federal (MPF) na Bahia, a Justiça Federal determinou, liminarmente, que a ViaBahia Concessionária de Rodovias e a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) deverão restabelecer e manter a iluminação pública adequada na Rodovia Engenheiro Vasco Filho – trecho da BR-324, que liga Salvador a Feira de Santana (BA).

Segundo a decisão do último dia 23 de outubro, as providências a serem realizadas no trajeto entre o Shopping Bela Vista e a Estação Pirajá deverão ser concluídas em até 90 dias, sob pena de multa a ser determinada judicialmente.

Leia também: MPF aciona Viabahia, ANTT e União por falta de iluminação e segurança em trecho da BR-324

A partir do inquérito civil 1.14.000.001124/2017-18, o MPF ajuizou ação civil pública, no dia 26 de julho desse ano, destacando a falta de manutenção do serviço no local, negligenciando segurança, infraestrutura e monitoramento desse trecho da rodovia. De acordo com o MPF, dentre as obrigações contratuais da ViaBahia está o gerenciamento dos riscos provenientes da execução do contrato, como roubos, furtos e destruição de bens.

Pedidos 

Além do pedido liminar, o MPF requer, como pedido principal da ação civil pública, que a União, por intermédio da PRF, realize um patrulhamento ostensivo na rodovia, executando operações para a segurança das pessoas e elabore, no prazo máximo de 90 dias, sob pena de multa diária de R$ 100 mil, um plano administrativo eficaz para as operações. O órgão também requer a condenação das acionadas ao pagamento de R$ 300 mil por danos morais coletivos.

E agora?

A ação civil pública foi ajuizada pelo MPF na Justiça Federal, dando início ao processo judicial para solucionar um problema que o órgão apurou ser de responsabilidade dos acionados. Após análise e deferimento do pedido liminar, cabe ao juiz designado para o caso dar seguimento ao processo até o julgamento do mérito – etapa em que decide qual a responsabilidade de cada réu do processo no caso, o que pode resultar na condenação e na aplicação de penas aos acionados.

Oficiada pela ação do MPF, a Viabahia admitiu a sua responsabilidade em garantir a manutenção dos sistemas de energia e iluminação da rodovia (fl. 29 –IC); contudo, comunicou que o trecho em questão tem sofrido reiterados furtos de cabos e vandalismos, que vêm causando diversos prejuízos. Disse, ainda, ser de responsabilidade da Polícia Rodoviária Federal (PRF) a segurança do perímetro. 

A Polícia Rodoviária Federal, por sua vez, informou atuar com duas equipes de rondas nos 22 quilômetros fiscalizados na rodovia e contar com número diminuto de profissionais para essa tarefa, mas concluiu ser de responsabilidade da concessionária a implementação de soluções para a questão, além do
provimento de um sistema de monitoramento eficiente, sendo esta, inclusive, uma obrigação constante no contrato de concessão firmado. Segundo a PRF, “as pouquíssimas câmeras de monitoramento da Viabahia que ainda  funcionam são completamente ineficientes no período noturno, o que
dificulta ainda mais qualquer tipo de fiscalização” (p. 70-v - IC).

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Bahia

Projeto promove 900 professores das universidades estaduais; ganhos chegam a 22,75%

O projeto prevê que a Uesc terá 151 vagas para promoção de docentes.

Bahia

Rui Costa entrega 127 veículos e ambulâncias para unidades de segurança e presídios da capital e interior

A SSP receberá um total de 91 viaturas para Bases Comunitárias de Segurança.

Bahia

Homem tenta salvar esposa que levava choque em liquidificador e morre eletrocutado

João Garcia Filho, 40 anos, morreu dentro de casa, em Itambé. Esposa dele foi encaminhada para hospital da c...

Vídeo

Pais invadem batalhão com recém-nascido desfalecido e PM salva a vida do bebê Veja mais Vídeos ›

Podcast

Projeto de leitura em escola pública de Feira de Santana é destaque nacional
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram