Acorda Cidade | Dilton Coutinho | Portal de notícias de Feira de Santana - Bahia

21º 33º Feira de Santana
23 de abril de 2017

Notícias

Esportes

Empregos

Lazer

Especial

Todas as notícias Feira de Santana

Deputado se reúne com diretores de escola para esclarecer ajustes no Planserv

14/09/2011 06h30
O deputado estadual respondeu aos questionamentos dos diretores participantes quanto às mudanças no Planserv. Acompanhe algumas respostas:
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Deputado se reúne com diretores de escola para esclarecer ajustes no Planserv
Assessoria

Acorda Cidade
 
A fim de discutir as mudanças no Planserv divulgadas equivocadamente em algumas mídias, o líder do Governo na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), deputado Neto (PT), reuniu-se com diretores de escola públicas de Feira de Santana, na manhã desta segunda-feira (12). A reunião aconteceu no auditório do Colégio Modelo Luis Eduardo Magalhães. A coordenação do evento ficou por conta do diretor da Direc 02, professor Beldes Ramos. Durante seu discurso, professor Beldes anunciou que as Eleições de Diretores Escolares estão previstas para o mês de novembro.
 
Neto tirou as dúvidas que os gestores apresentaram durante o evento e tornou a esclarecer que “não limitação de atendimento, uma vez que a limitação de atendimento é um ato ilegal, mas que, na verdade, se trata de uma medida educativa, na qual cada servidor pagará apenas R$ 6/consulta, caso ultrapasse a franquia. No mês, ninguém pagará mais que R$30, no total, pelas consultas.
 
Ele explicou a ação do Governo do Estado no Planserv exemplificando uma situação comum de família. “O Governo é um pai e a Bahia é sua família. Se um pai que tiver 10 filhos e um estiver andando errado, passando 50 minutos no chuveiro, usando telefone e carro sem limite, esse pai não pode penalizar todos os seus 10 filhos e cortar os benefícios de todos pelo erro de um. Ele deve enquadrar o que está errado ao padrão dos que praticam o correto. O pai deve chamar o filho errado e dizer que, a partir de agora, ele vai ter apenas 10 minutos no chuveiro, estipular também uma quantidade de tempo em telefone e saídas de carro, assim, permitindo que todos os 10 irmãos possam igualmente utilizar os benefícios, uma vez que o orçamento da família é curto, não permitindo extravagância”, exemplifica Neto.
 
Segundo o deputado, “o Planserv é um dos melhores planos de saúde do Norte-Nordeste, sendo o 2º maior plano do Nordeste e responsável por um terço de todos os planos da Bahia. Em 2010 foram cerca de 27 mil novos beneficiários credenciados ao plano.” O deputado lembrou ainda que, um ano e meio, foi permitido o credenciamento de netos de servidores ao Planserv, sendo aproximadamente 20 mil netos credenciados. O parlamentar também contou que recentemente sua mãe realizou uma cirurgia pelo Planserv, que se fosse particular, o procedimento custaria R$ 32 mil na Fundação do Coração.
 
O Planserv na atual gestão - Fazendo um rápido balanço da situação do Plano antes e depois as medidas de melhoramento adotadas pelo Governo do Estado em 2007, Neto recordou que “quando chegamos no Governo, tínhamos, em Salvador, atendimento no hospital São Marcos e Hospital da cidade. Hoje, temos Hospital Português, Hospital Espanhol, Hospital da Bahia, Hospital Evangélico, Hospital Santa Isabel e muitos outros bons hospitais. cinco anos atrás ninguém queria Planserv. Nós revertemos isso e crescemos,” afirmou o líder do Governo.
 
Até 2007, o Planserv possuia apenas 900 prestadores de serviço, sendo um número insuficiente para a demanda real. Hoje, o Planserv conta com 1468 postos de atendimento credenciados, todos com licitação. Ainda até o mesmo ano, eram investidos apenas R$ 36 mil/mês pelo Governo no Plano, passando para R$ 70 mil investidos no Governo Wagner, praticamente o dobro de recurso para melhorar a Assistência que até então caminhava para a falência. Além disso, as reclamações sobre diminuíram 74% após as melhorias da atual gestão.
 
O que mudou na Assistência – O deputado estadual respondeu aos questionamentos dos diretores participantes quanto às mudanças no Planserv. Acompanhe algumas respostas:
 
O Planserv é um direito constitucional?
 
Não. Nenhum plano de saúde é uma determinação da constituição. O Planserv, por exemplo, é um benefício conquistado pelos servidores. O Governo do Estado está tomando medidas para melhorar o benefício, garantindo a sustentabilidade do Plano e assim possibilitar a ampliação do mesmo no interior do estado.
 
O que é fator moderador?
 
É uma medida educativa de controle de utilização do plano. Não é uma limitação e é demonstrado em forma de franquias. Quando o usuário passa da franquia determinada, paga um valor simbólico pelo excedente.
 
Quais são as franquias por procedimento?
 
Atendimento de urgência e emergência: 10
 
Consultas
: 12 (no caso de gestantes, serão 24)
 
Exames: 30
 
Crianças: De 0 a 12 anos, terão direito a 24 consultas e 22 consultas para urgência e emergência
 
Quem está isento do fator moderador?
 
Todos os portadores de doenças crônicas;
 
Pessoas em período de internamento;
 
Pessoas em situação de urgência ou emergência;
 
Pessoas que necessitem de atendimentos e procedimentos em função de ocorrências e acidentes durante o exercício da função, ou a caminho do mesmo, desde que seja comprovado.
 
Cônjuge servidor poderá ser dependente?
 
Os ajustes também atendem a uma reivindicação dos beneficiários do plano: o projeto revoga a proibição de servidor público ter outro servidor como dependente, norma instituída em 2005.  Ao mesmo tempo, haverá diferenciação das contribuições dos dependentes cônjuges e filhos, tornando-as mais justas. Pela tabela atual, eles pagam valores idênticos, mas o perfil de utilização dos primeiros implica despesas maiores, uma vez que os gastos com saúde crescem de acordo com a idade. A contribuição de filhos será mantida no percentual de 22% sobre o valor cobrado de titulares e a dos cônjuges, servidores ou não, será alterada para 40%.
 
Quanto pagarei se ultrapassar a franquia?
 
Após alcançar a franquia, o beneficiário pagará 20% do valor do procedimento, o que corresponde a R$ 6, sendo que ninguém pagará mais de R$ 30/mês por exceder o fator moderador.
 
Após esclarecer as questões ainda mal interpretadas sobre o Planserv, o deputado foi parabenizado pelos diretores pela coragem de enfrentar as duras críticas sofridas e por ter feito, segundo os diretores que opinaram, o melhor pelo plano, garantindo a continuidade da Assistência. (Ascom)

É muito importante a sua participação. Envie para nós a sua sugestão de correção.



É muito importante a sua participação. Em breve entraremos em contato.



Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.

Veja também

PodCast

Cardiologistas discutem uso de novos medicamentos para reduzir taxa de colesterol

mais podcast ›

Videos

Projeto Saber Brasil: educador constrói biblioteca comunitária