Polícia

Vocalista de banda feirense é vítima de sequestro relâmpago; prejuízo é de quase R$ 10 mil

O cantor disse ainda que já está em contato com a Polícia Civil e irá registrar um Boletim de Ocorrência.

05/04/2022 17h11, Por Rachel Pinto

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

Laiane Cruz

O vocalista de uma banda de forró de Feira de Santana sofreu um sequestro relâmpago na segunda-feira (4), na cidade de Terra Nova. Em entrevista ao Acorda Cidade, o músico, que por questões de segurança preferiu não se identificar, relatou os momentos de tensão enquanto esteve em poder dos bandidos. Os criminosos roubaram cartões de crédito da vítima, documentos, e realizaram diversas transferências bancárias, deixando um prejuízo financeiro de quase R$ 10 mil.

“Me pegaram em Terra Nova na frente da casa do meu baixista, onde estávamos discutindo justamente a banda ficar agora com a sede em Feira. Eu fui em Salvador levar meu sanfoneiro e amigo, que mora em São Paulo, no aeroporto, e na volta passei em Terra Nova”, contou o músico e cantor.

Segundo ele, três homens armados o renderam enquanto conversava com o baixista da banda, que conseguiu correr para dentro do imóvel. Dois dos assaltantes o colocaram no banco de trás, com um capuz na cabeça, e permaneceram ao seu lado, enquanto um terceiro dirigia o veículo dele.

“Ficou um em cada lado do carro e eu fiquei no meio. O outro foi dirigindo. Botaram um capuz na minha cabeça, e eu só percebi a hora que estava passando no pedágio, que o condutor perguntou onde tinha dinheiro para pagar o pedágio, depois disso não vi mais nada. Então eles me abandonaram numa área de mata próximo à localidade do Bessa, em Conceição do Jacuípe. E aí levaram carteira, celular, mandaram eu fazer vários PIX da minha conta, pegaram minhas senhas dos bancos, tiraram meu dinheiro todo, usaram meu cheque especial, tiraram meu limite todo, os danos chegam perto de 10 mil reais”, lamentou.

O cantor disse ainda que já está em contato com a Polícia Civil e irá registrar um Boletim de Ocorrência.

Com informações da jornalista Maylla Nunes do Acorda Cidade. 

Siga o Acorda Cidade no Google Notícias e receba os principais destaques do dia

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade