Secretário de Saúde nega privilégios em marcação de consulta

O secretário Municipal de Saúde, João Carlos Cavalcante, garante que essa possibilidade não existe.

19/09/2009 11h15, Por Dilton e Feito

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

A Corregedoria da Câmara Municipal de Feira de Santana está apurando denúncia de que vereador José Marques de Messias (Zé Curuca), do PSDB, estaria usando o computador de seu gabinete para marcação de consulta e exame na rede municipal de saúde. O secretário Municipal de Saúde, João Carlos Cavalcante, garante que essa possibilidade não existe.

“Tudo deve passar pela central de regulação”, assegurou o secretário, em entrevista ao repórter Ney Silva, na manhã deste sábado (19), no programa Acorda Cidade. A possibilidade do pedido não passar pela central não existe, segundo João Carlos Cavalcante. “Eu não acredito que o prestador de serviço do SUS atenda para não receber”, considerou.

A marcação de consulta e exame é feita pelo próprio usuário. “Ele vai à central de regulação, para identificação e validação da solicitação e a liberação é feia de acordo com a planilha e o teto disponível”, explicou o secretário, informando que por causa da demanda, alguns procedimentos demoram mais.  João Cavalcante disse ainda que não existe prioridade no atendimento a pedido de vereadores.

Neurologia

Sobre a recente denúncia de Natalícia Batista dos Santos, sobre a dificuldade para marcar uma consulta com neurologista para o filho, na unidade do bairro Rua Nova, o secretário de Saúde esclareceu o caso está sendo apurado, mas antecipou que a médica responsável pelo atendimento estaria de licença médica. Segundo ele, trata-se de uma especialidade e o médico não tem atendimento diário. Na Rua Nova tem uma regulação de 30 atendimentos por semana.

Ouça a entrevista no PodCast

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade