Saúde

Quase 30 pacientes aguardam por regulação em Feira

A demora para a transferência sobrecarrega o sistema de saúde municipal fazendo com que as unidades fiquem lotadas.

27/06/2022 17h30, Por Acorda Cidade

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Foto: Jorge Magalhães/Secom

Em Feira de Santana 28 pacientes estão em Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e policlínicas municipais esperando a transferência para uma unidade hospitalar até esta segunda-feira (27). As vagas são disponibilizadas pelo Sistema de Regulação do Governo do Estado.

Na policlínica do George Américo, o paciente M. B., 82 anos, está aguardando regulação há nove dias após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Na UPA da Queimadinha, o paciente J. B. S., 58 anos, está há 20 dias em isolamento aguardando transferência para transferência para tratar Erisipela.

No total, 8 pacientes estão na UPA Queimadinha, 8 na UPA Mangabeira, 5 na policlínica do Tomba, 3 na policlínica do Parque Ipê, 2 na policlínica de Humildes, 1 na policlínica do George Américo e 1 na policlínica de São José.

A demora para a transferência sobrecarrega o sistema de saúde municipal fazendo com que as unidades fiquem lotadas. Ainda expõe os pacientes a uma espera exaustiva por tratamento adequado.

Regulação Estadual

O Sistema de Regulação Estadual é uma ferramenta do Governo do Estado que disponibiliza vagas em unidades públicas hospitalares conforme critério de gravidade e não proximidade, visando a democratização do acesso.

Para isso, o paciente atendido em uma unidade de urgência e emergência é avaliado e submetido a exames laboratoriais ou de imagem, de acordo com as condições clínicas.

Se comprovada a necessidade de assistência hospitalar, os profissionais da unidade solicitam a regulação no sistema, para que o paciente tenha a assistência adequada.

As informações são da Secom de Feira de Santana.

Siga o Acorda Cidade no Google Notícias e receba os principais destaques do dia. Participe também dos nossos grupos no WhatsApp e Telegram


Compartilhe essa notícia

image image image image image image
Categorias Saúde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade