Saúde

Mais de 40 pacientes aguardam por regulação em Feira

Somente na Unidade de Pronto Atendimento da Queimadinha são 22 pacientes.

02/08/2022 11h37, Por Acorda Cidade

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

Foto: Jorge Magalhães/ Secom

Em Feira de Santana, 43 pacientes estão em Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e policlínicas municipais esperando a transferência para uma unidade hospitalar até esta segunda-feira (1º) – na última semana eram 30.

Na UPA da Mangabeira, uma paciente de 66 anos, aguarda há 13 dias para tratar complicações decorrentes da diabetes. Na mesma unidade, outro paciente de 50 anos, aguarda por regulação há 11 dias para tratar problemas neurológicos.

No total, 22 pacientes estão na UPA Queimadinha, 8 na UPA Mangabeira. Outros 13 pacientes estão distribuídos nas policlínicas municipais – (6) Parque Ipê, (3) Tomba, (1) Feira X, (1) Rua Nova, (1) George Américo e (1) São José.

A demora para a transferência sobrecarrega o sistema de saúde municipal fazendo com que as unidades fiquem lotadas. Ainda expõe os pacientes a uma espera exaustiva por tratamento adequado.

REGULAÇÃO ESTADUAL

O Sistema de Regulação Estadual é uma ferramenta do Governo do Estado que disponibiliza vagas em unidades públicas hospitalares conforme critério de gravidade e não proximidade, visando a democratização do acesso.

Para isso, o paciente atendido em uma unidade de urgência e emergência é avaliado e submetido a exames laboratoriais ou de imagem, de acordo com as condições clínicas.

Se comprovada a necessidade de assistência hospitalar, os profissionais da unidade solicitam a regulação no sistema, para que o paciente tenha a assistência adequada.

As informações são da Secom de Feira de Santana

Siga o Acorda Cidade no Google Notícias e receba os principais destaques do dia. Participe também dos nossos grupos no WhatsApp e Telegram

Compartilhe essa notícia

image image image image image image
Categorias Saúde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade