Prefeitura instala postos provisórios de assistência médica

Micareta: Unidades de assistência médica são instaladas na rua Adenial Falcão e rua Vasco Filho.

08/04/2010 às 10h49, Por Dilton e Feito

Compartilhe essa notícia

Micareta: Unidades de assistência médica são instaladas na rua Adenial Falcão e rua Vasco Filho

Para prestar assistência médica com mais agilidade aos foliões da Micareta 2010, a Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria de Saúde, instala dois postos provisórios no circuito da festa. Um fica na rua Adenil Falcão e outro na rua Vasco Filho, ambos próximos ao Circuito Maneca Ferreira, na avenida Presidente Dutra e com equipe formada por médicos, técnicos de enfermagem e enfermeiros.

Além disso, em cada posto terá uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), para a eventual necessidade de transferência de pacientes, e mais quatros ambulâncias do Município vão estar em locais diferentes no percurso da festa.

Enquanto isso, durante a Micareta, de 15 a 18 deste mês de abril, todas as policlínicas da cidade vão permanecer com atendimento 24 horas e terão a equipe intensificada no sábado e domingo, por serem dias de maior concentração de pessoas na cidade, atraídas pela folia.

“Normalmente as equipes das policlínicas são formadas por dois médicos – a exceção da do bairro Tomba que possui três -, três técnicos de enfermagem e dois enfermeiros. No sábado (17) e no domingo (18) cada uma delas terá mais um técnico de enfermagem e um enfermeiro”, afirma Gilberte Lucas, diretora de Gestão da Rede Própria.

Segundo Gilberte Lucas, o número de ocorrências em 2009, comparado ao de 2008, caiu média de 20%. Ela relata que o fluxo maior de casos é sempre no sábado e a maioria deles resultantes de brigas e do consumo em excesso de bebidas alcoólicas.

“Ano passado recebemos mais pessoas com ferimentos leves, enjôos e mal-estar. Fizemos poucas transferências para policlínicas ou hospitais particulares da cidade” frisou.

Gilberte Lucas destaca, ainda, que uma equipe composta por 20 pessoas vai estar desenvolvendo uma campanha educativa contra as doenças sexualmente transmissíveis (DSTs) no circúito, com a distribuição de panfletos informativos e camisinha.

As informações são da Secom.

Compartilhe essa notícia

Categorias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Notícias

image

Rádio acorda cidade