Feira de Santana

Prefeito de Santa Bárbara estuda acesso em avenida para beneficiar lanchonetes prejudicadas por duplicação da BR-116 Norte

Segundo Edfrâncio de Jesus, devido aos prejuízos sofridos a esses comerciantes, ele elaborou um projeto para abertura de um acesso com pavimentação asfáltica na Avenida Lomando Junior.

19/01/2022 17h40, Por Maylla Nunes

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

Na manhã desta quarta-feira (19), durante inauguração da unidade de beneficiamento de leite no município de Santa Bárbara, o prefeito Edfrâncio de Jesus Oliveira, avaliou os efeitos positivos e negativos trazidos para os comerciantes da cidade, após a duplicação da BR-116 Norte, como a perda de clientes para as lanchonetes próximas à rodovia.

“A duplicação traz desenvolvimento, mas também trouxe algumas complicações. As pessoas que vem sentido Serrinha/Feira de Santana, não têm como fazer o retorno, é muito longe. Mas no decorrer da obra, eu fiz uma intervenção junto ao DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes), e a gente conseguiu fazer um retorno em frente à cidade, no Centro de Abastecimento. Porém não pode seguir pelas lanchonetes, porque é contramão”, afirmou.

Segundo Edfrâncio de Jesus, devido aos prejuízos sofridos a esses comerciantes, ele elaborou um projeto para abertura de um acesso com pavimentação asfáltica na Avenida Lomando Junior, que dá acesso as lanchonetes.

“Automaticamente sai na praça nova que estamos fazendo e no portal da cidade. Esse foi o meio mais fácil que achei. Fiz um projeto no valor de R$1,9 milhão, e é o projeto mais adequado para que a gente possa ajudar os donos de lanchonetes a recuperarem os seus clientes que perderam por conta da duplicação. Fiz uma reivindicação junto ao governo do estado, mas como a prioridade dele é pavimentação e não o asfalto, me deu esperança através do consórcio, mas não vou ficar parado por aqui, vou atrás de emendas parlamentares, para que a gente possa fazer essa grande avenida que vai ajudar e muito os comerciantes de Santa Bárbara”, destacou.

Comércio

Ainda de acordo com o prefeito, Santa Bárbara hoje é forte na pecuária, agricultura e o comércio, que atrai pessoas de diversos municípios circunvizinhos e viajantes que param no município para fazer compras.

“Para se ter ideia, tem donos de lanchonete que pagam aluguel de R$5 mil, conseguem pagar funcionários e ainda fazer patrimônio. A Feira é na terça-feira, mas no sábado, estou puxando uma nova feira, para a gente ter dois dias de feira em Santa Bárbara. Porque é propício, e tem os municípios vizinhos como Santanópolis, Lamarão, que vem para Santa Bárbara fazer compras. Tem o pessoal que passa na BR e também faz compras, então, o comércio é muito forte”, avaliou.

Outro problema que, segundo Edfrâncio, a gestão está buscando solucionar é a questão do lixão da cidade. De acordo com ele, há planos para uma readequação do tratamento do lixo através do suporte dado pelo Consórcio Portal do Sertão.

“Quando eu tomei posse em janeiro tínhamos um lixão em péssimas condições. Hoje temos um aterro controlado, mas já estou estudando com uma empresa para trabalhar a questão da reciclagem do lixo e também através do Consórcio Portal do Sertão estamos discutindo a questão da distribuição do lixo. Existe a Lei de Resíduos Sólidos e já fiz o compromisso com o Portal do Sertão de acabar com os lixões e fazer a adequação. Não é barato, mas consorciado com outros municípios a gente consegue fazer”, disse. (Por Laiane Cruz, com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade)

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade