Turismo

Preços das passagens aéreas para Salvador e região metropolitana registram maior aumento do país

Principais companhias aéreas aumentaram também o valor pago pelas bagagens despachadas.

10/04/2022 09h52, Por Andrea Trindade

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Acorda Cidade

Um levantamento feito pelo IBGE em 17 capitais mostrou que, em março deste ano, as passagens aéreas para quem chega ou sai de Salvador e região metropolitana tiveram o maior aumento do país (4%). Nessa região foi também registrado o maior aumento no acumulado de doze meses (63,83%).

Além do preço das passagens mais caras, as maiores companhias aéreas aumentaram o valor pago pelas bagagens despachadas.

Nos voos em que não é oferecido despacho gratuito da bagagem, a companhia Gol, por exemplo, passou a cobrar, essa semana, preços que variam de R$ 95 a R$ 250 nos embarques domésticos. Antes, o valor variava de R$ 80 a R$ 250.

Nos voos internacionais, a cobrança varia de R$ 199 a R$ 650. Antes, a variação era de R$ 100 a R$ 650.

Já a Latam aumentou o valor para o despacho de bagagens no último dia 14, mas só para os voos nacionais. O preço mínimo subiu de R$ 65 para R$ 75. No valor máximo, no entanto, não houve alteração.

A empresa Azul reajustou o valor do despacho no dia 7 de março. O valor mínimo passou de R$ 80 para R$ 90 em trechos domésticos. O preço máximo não teve aumento (R$ 250) e, nos voos internacionais, não houve alteração de preço.

Para o presidente da Associação Brasileira dos Agentes de Viagens (Abav), Jean Paul Gonze, os reajustes podem levar passageiros a desistir das viagens.

“As pessoas que têm vindo são aquelas que tinham comprado a passagem aérea antes. Mas, para adquirir passagens novas, há dificuldade porque o preço tem subido assustadoramente, acima de 30%, e têm passagens até 60% acima do valor aplicado".

O que dizem as empresas
Em nota, a Gol informou que o reajuste nos valores das bagagens se deve ao aumento de custos na aviação comercial e como forma de adequação aos valores praticados pelo mercado.

A Latam, também por meio de nota, disse que a guerra da Ucrânia impacta diretamente no preço do petróleo e, consequentemente, na alta do preço da querosene de aviação. Esse cenário, segundo a empresa, influencia no aumento das passagens e dos serviços adicionais.

A azul não explicou o motivo do reajuste. Disse apenas que a mudança foi feita na primeira mala.

Fonte: G1
 

Siga o Acorda Cidade no Google Notícias e receba os principais destaques do dia

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade