Bahia

População pode agendar doações de sangue através do SAC Digital

As marcações na Hemoba pelo SAC Digital passaram a valer no dia 30 de novembro de 2021.

18/01/2022 09h01, Por Laiane Cruz

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Acorda Cidade

Basta um clique para salvar vidas. A plataforma SAC Digital, responsável por unificar todos os serviços da Bahia em um único lugar, utilizando diferentes canais de comunicação como celulares, tablet’s e computadores pessoais, também oportuniza aos cidadãos baianos a possibilidade de fazer a diferença na vida de alguém. Isso porque a parceria entre a Secretaria da Administração (Saeb) e a Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba) permite o agendamento de doações de sangue através do www.sacdigital.ba.gov.br.

As marcações na Hemoba pelo SAC Digital passaram a valer no dia 30 de novembro de 2021. Com isso, foi ampliada a oferta de serviços realizados na plataforma. Até o momento, o SAC Digital contabiliza mais de 500 serviços on-line. A iniciativa de agendamento de doação de sangue visa alavancar essa corrente do bem, criar mais comodidade e conforto para a população, além de otimizar os atendimentos. O trâmite é simples e prático: basta agendar pelo app ou pelo site (www.sacdigital.ba.gov.br) e comparecer no dia e horário escolhidos.

É o que explica Fernando Luiz de Araújo, Diretor Geral da Fundação Hemoba. “Quero agradecer a solidariedade das pessoas e dizer que existe uma forma simplificada de agendar a doação de sangue através do SAC Digital em qualquer município que tenha unidade hemoterápica de coleta na Bahia. É mais um avanço tecnológico para garantir a qualidade nos atendimentos e dar celeridade ao processo. Estamos de braços abertos esperando você! Venha de máscara e vacinado, praticar esse ato de voluntariado”, ressaltou.

Saiba como fazer o agendamento aqui

Célia de Sousa Lopes é doceira e natural de Muritiba, a 114 km da capital baiana. Em um ato de solidariedade, ela foi ao Hemocentro, em Salvador para ajudar um amigo que está precisando de doações. Com orgulho e alegria, ela revelou o quão gratificante é ser doadora de sangue e medula óssea. “Virei doadora depois de ver uma propaganda da Hemoba que tocou meu coração, descobri que posso salvar vidas”, disse.

Fabrizio Gomes Malaquias é nutricionista, doador de sangue, plaquetas e medula óssea. O profissional não conhecia a possibilidade de agendamento das doações em qualquer hemocentro na Bahia, aprovou a iniciativa e incentivou outros a se tornarem doadores também. “Essa iniciativa do SAC Digital em agendar as doações torna as coisas mais práticas e dinâmicas. É importante estarmos atentos para ajudar ao próximo, principalmente na pandemia”, concluiu.

Pandemia afetou doações

A Fundação Hemoba registrou queda no número de doadores de sangue no período da pandemia causada pela Covid-19. Segundo estimativa da fundação, antes as unidades chegavam a receber cerca de 12 mil candidatos à doação por mês, resultando em uma média de 10 mil bolsas de sangue coletadas. Atualmente, o número de candidatos mensal caiu para 10 mil e o de bolsas coletadas para sete mil.

Consequentemente o estoque está em nível crítico para praticamente todos os tipos sanguíneos, é o que explica o técnico em enfermagem Eduardo Souza, que atua no Hemocentro Coordenador, em Salvador. “A pandemia tem atrapalhado bastante o fluxo de doadores, muita gente deixou de vir por receio e eu estou aqui para mostrar que estamos adotando todas as precauções de distanciamento e higienização, com foco na segurança de todos”, salientou.

Recomendações para futuros doadores

Para doar sangue, o voluntário deve estar de máscara, em boas condições de saúde, sem sintomas virais, pesar mais de 50 quilos, estar bem alimentado, ter dormido pelo menos 6h, não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12h, não fumar por pelo menos, duas horas e ter entre 16 e 69 anos incompletos.Menores de 18 anos precisam estar acompanhados de um responsável legal e apresentar documento original com foto, emitido por órgão oficial e válido em todo o território nacional.

Candidatos às doações que tenham sido vacinados recentemente contra Covid-19 devem aguardar de dois a sete dias, a contar da data da vacinação. A Coronavac (Sinovac/Butantan) impede a doação de sangue por dois dias após cada dose. Já as vacinas AstraZeneca, Pfizer-BioNTech e Janssen impedem a doação por sete dias após cada dose.

Em caso de dúvidas, a Hemoba, em Salvador, disponibiliza o telefone (71) 3116-5643. Mais informações no site da instituição: www.hemoba.ba.gov.br. Vale ressaltar que todo o material utilizado na coleta é descartável, o que elimina qualquer risco de contaminação para o doador.

SAC Digital

Lançada em 2018, a plataforma disponibilizada na internet e por meio de aplicativo, para Android e iOS, contabiliza 4,4 milhões de cidadãos cadastrados e aproximadamente 8 milhões de serviços executados desde sua implantação. Entre os serviços disponíveis, estão RG Expresso, CNH Definitiva, segunda via da carteira de habilitação, CTPS Digital, matrícula escolar digital, entre outros.

O SAC Digital é uma das ferramentas tecnológicas que facilita a adequação do governo baiano às exigências da nova Lei do Governo Digital (Lei 14.129), sancionada em março de 2021 e voltada para a definição de instrumentos e regras que orientem as iniciativas da administração pública na área de transformação digital. Igor Takenami é Diretor de Transformação Digital na Saeb e reforça que a adoção de soluções tecnológicas promove melhorias nos processos administrativos e aperfeiçoa a experiência do cidadão com o Estado.

“A digitização vai além de disponibilizar o serviço da forma como ele é prestado hoje, seja presencial ou via web. É necessário pensar o serviço na visão do cidadão, de forma desburocratizada, simplificada, proativa e personalizada, para alcançar efetividade no processo e maior assertividade na realização de projetos e políticas públicas voltadas à sociedade. A Bahia vem se destacando no desenvolvimento de soluções tecnológicas que visam promover a disrupção na prestação do serviço público e no relacionamento com o cidadão. O SAC Digital é protagonista neste contexto e reconhecidamente é a principal ferramenta para promover a transformação digital no Estado”, finalizou.  

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade