Política dinâmica

O escolhido é do PSC, partido que não apoiou a candidatura de Tarcízio.

15/10/2009 11h45, Por Dilton e Feito

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Foto: Divulgação / rotapolicialfsa.blogspot

Questionado por ser filiado ao PSC, partido que não apoiou a candidatura do prefeito Tarcízio Pimenta, e agora passar a integrar o governo, o inspetor Misael Freitas Santana disse que a política é dinâmica e desconversou: “Não é isso que interessa agora”. Ele vai assumir a Secretaria Municipal de Prevenção à Violência e Direitos Humanos. Misael é filiado ao PSC há 13 anos e já foi candidato a deputado pelo partido.

Escolha feliz

O vereador Justiniano França, que é líder do governo municipal na Câmara, gostou da indicação do inspetor Misael Santana para a nova secretaria municipal. “O prefeito foi muito feliz na escolha”, disse, logo após a entrevista coletiva concedida por Tarcízio Pimenta, na manhã de hoje, para anunciar o titular da pasta.

Cadê os vereadores?

Um passarinho cantou que os vereadores que tanto falam sobre a questão da segurança em Feira de Santana não participaram da coletiva em que o prefeito Tarcízio Pimenta anunciou oficialmente o nome do titular da Secretaria de Prevenção à Violência e Direitos Humanos. Segundo ele, os vereadores não foram convidados.

Prática antiga

Outro passarinho chamou a atenção para a questão abordada pelos vereadores Ronny e Ribeiro esta semana na Câmara, sobre o encaminhamento de pessoas para atendimento médico em cidades da região e disse que isso não é novidade.

Cartórios privados

Um detalhe curioso do projeto de privatização dos cartórios é que mesmo passando a ser privados, eles não perderão o caráter de órgão público. Inclusive com relação aos servidores, que terão de ser contratados via concurso público. Além disso, caberá ao próprio Poder Judiciário fiscalizar o funcionamento. O atendimento nos cartórios tem sido um dos maiores entraves de quem procura os serviços do Judiciário.

Jornada especial

Foto:Divulgação

Depois de 10 anos de tramitação na Câmara dos Deputados, foi aprovado o projeto que institui a jornada de 30 horas semanais para os trabalhadores da área de saúde. O deputado federal Colbert Martins Filho, um dos defensores da proposta, comemorou o resultado.

Frase do dia

“Se eu não fosse imperador, desejaria ser professor. Não conheço missão maior e mais nobre que a de dirigir as inteligências jovens e preparar os homens do futuro”. (D. Pedro II).

Meu Espaço

O internauta Ulemar Campos deixou a seguinte mensagem no "Meu Espaço":

"Bom dia Acorda Cidade. Gostaria de expressar minha pequena opinião com relação ao trânsito de nossa cidade. Pois bem eu acho que antes da SMTT fazer todas essas mudanças que está fazendo, deveria fazer uma pesquisa popular, principalmente com quem utiliza essas vias diretamente, para saber o que cada um acha das mudanças. Por exemplo eu acho um absurdo você pegar ruas largas e colocar mão única. A tendência é provocar caos em outras ruas. E sou a favor da Zona Azul no centro. Quanto aos retornos , para dar certo o que eles ( SMTT ), estão fazendo, vai ter que abrir a via esquerda para o carro que sair do retorno tem fluxo normal , como é na Paralela em Salvador. Abraço. " Ulemar Campos.

Leia mais: Superintendente diz que fechamento de retornos é para melhorar o trânsito

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade