Política

Opositores repercutem frango com farofa de Bolsonaro: ‘Piada com a cara do povo’

Políticos apontaram cena como tentativa de desviar o foco dos gastos elevados com cartão corporativo.

31/01/2022 14h09, Por Maylla Nunes

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Registrada neste domingo (30), em Brasília, a cena do presidente Jair Bolsonaro (PL) comendo frango com farofa em uma barraca de rua gerou repercussão entre opositores nas redes sociais.

“Torrar 30 milhões no cartão corporativo, colocar sigilo e depois ir pra rua se derrubar farofa é o ápice da piada com a cara do povo…”, declarou o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), que integrou o chamado G7 da CPI da Covid e fui um dos mais críticos à atuação do governo na pandemia.

A ex-ministra Marina Silva (Rede-AC) também comentou o incidente e também falou da informação noticiada no fim de semana, sobre os gastos presidenciais com cartão corporativo. “Só passando pra lembrar que não adianta comer com as mãos em sinal de humildade e simplicidade e gastar quase R$ 30 milhões do dinheiro do contribuinte no cartão corporativo. Não acredite no Bolsonaro e em seu teatro”, escreveu.

O deputado Ivan Valente (PSol-SP) fez uma leitura parecida e chegou a afirmar que Bolsonaro não tem postura e capacidade de governar o Brasil. “Bolsonaro já gastou R$ 29,6 milhões com cartões corporativos. Não adianta se sujar todo de farofa para tentar parecer que é simples, do povo, é da mamata, do privilégio, uma vida inteira roubando dinheiro público com rachadinhas não seria diferente na presidência”, criticou o parlamentar. “Não tem nada de popular, é porco mesmo. Não consegue comer um frango com farofa sem fazer lambança, imagina governar um país”, completou.

Para a deputada Fernanda Melchionna (PSol-RS) a cena compartilhada nas redes do presidente é “deplorável”. “A tentativa é de humanizar um genocida? É impossível! Nem coberto de toda a farofa do mundo Bolsonaro convence que tem algum tipo de humanidade dentro de si”, declarou a gaúcha. “Vergonhoso”, completou. O senador Humberto Costa (PT-PE) foi econômico nas palavras: “Que cena ridícula…”, escreveu.

Fonte: Bahia.Ba

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade