Live de Micareta

Luciano Mello promove II Live da ‘Micareta em Casa’ neste sábado (10)

Mesmo em um momento pandêmico, a ação tem como objetivo alimentar a alegria e esperança daquelas pessoas que estão seguindo os protocolos, como o distanciamento social, ficando em casa.

08/04/2021 17h05, Por Gabriel Gonçalves

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Gabriel Gonçalves

Com o desejo de manter a tradição da festa momesca, que é a Micareta de Feira, o professor e coreógrafo Luciano Mello promove neste sábado (10) a segunda edição da Live 'Micareta em Casa', a partir das 16h no canal do YouTube Luciano Mello.

Em entrevista ao Acorda Cidade, Luciano informou que pensar no mês de abril é pensar em Micareta. Mesmo em um momento pandêmico, a ação tem como objetivo alimentar a alegria e esperança daquelas pessoas que estão seguindo os protocolos, como o distanciamento social, ficando em casa.

"A intenção dessa Live de Micareta é levar a alegria a todas as pessoas, porque sabemos que estamos passando por uma segunda onda da pandemia e quero me sentir na casa das pessoas, estar feliz com elas. Só em saber que tem gente ali nos acompanhando, isso me deixa muito feliz porque nós que fazemos parte da classe artística, ficamos sem ter o que fazer e a cada dia a preocupação aumenta", relatou.

Foto: Arquivo Pessoal

Com músicas que relembram a alegria da Micareta, Luciano explicou que nesta Live a regra é não ficar parado em casa e todos estão convocados a espalharem os móveis da casa, tendo mais espaço para dançar.

"Essa vai ser uma Live mais solta, não teremos tanta coreografia, mas com músicas de alegria, músicas motivadoras, que façam as pessoas se sentirem na avenida. A gente lembra que esse encontro também tem um cunho social e de arrecadação. Todo trabalho deve ser valorizado, e eu tenho um grande público, como meus fãs da Diretoria do Lu Fã Clube, As Novinhas do Lu Fã Clube, As Tchucas do Lu Fã Clube, e quero total felicidade no próximo sábado", afirmou.

Luciano destacou que mesmo sendo um evento em formato online, existe toda uma preparação com figurinos, escolha da playlist e espaço para filmagem. Para o professor, a Micareta é um evento de grande porte, que garante bons lucros, mas por conta de todas as restrições estabelecidas, as dificuldades foram aparecendo.

Foto: Arquivo Pessoal

"A produção de uma Live requer toda a preparação por trás dos bastidores e o público já vê tudo pronto. Então precisamos de uma equipe de filmagem, espaço para gravação, repertório, figurino, ensaios e todo esse movimento é como se estivéssemos na própria Micareta e queremos dar o nosso melhor e não poderíamos deixar passar em branco o mês que se eternizou a Micareta. Infelizmente eu não participei do processo da Lei Aldir Blanc e as coisas pesaram de certa forma. Ainda tenho dificuldades, assim como todos possuem na vida, mas não é porque eu vivia da Micareta, porém o cachê que recebíamos era muito bom e dava para tocar a vida por um bom tempo. Eu sempre fiz Micareta com o apoio de amigos, da própria Prefeitura que sempre ajudou com os espaços, mas temos a Fé em Deus que as coisas irão melhorar para todos nós", disse. 

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade