14ª Fenatifs

Festival Nacional de Teatro Infantil tem 12 espetáculos nesta semana; confira

O acesso é gratuito, com uso obrigatório de máscara e sujeito à lotação do teatro.

08/12/2021 07h41, Por Andrea Trindade

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Acorda Cidade

A segunda semana do 14ª Fenatifs segue intensa, agora também com apresentações presenciais. O Festival Nacional de Teatro Infantil de Feira de Santana ocupa o Centro de Cultura Amélio Amorim com a Mostra Baiana, até o dia 9 de dezembro. O acesso é gratuito, com uso obrigatório de máscara e sujeito à lotação do teatro.

Para o público de casa, a programação online será transmitida de 8 a 12 de dezembro, no canal www.youtube.com/CiaCucadeTeatro, com grupos do Rio de Janeiro, São Paulo, Ceará, Santa Catarina e Bahia.

Pela Mostra Baiana nesta quarta (8), às 9h30, às 10h30 e às 14h tem “Metamoforse”, do Grupo Ereoatá. E na quinta (9), também às 9h30, às 10h30 e às 14h é a vez de “Vive Circo Show”, da Nucca (Núcleo Circense Cia. Cuca de Teatro).

O FenatifsS contempla variadas linguagens artísticas, das mais diversas regiões do país. Nesta semana, de 8 a 12/12, crianças e adultos poderão desfrutar nas telinhas das suas casas nove espetáculos com muita música, dança, palhaçaria, animação, humor, reflexão, aventuras e muito encanto para todos os públicos.

Dia 8/12 às 16h – “A Menina das Pedras", da cia Revolução Teatral – BA; dia 9/12 às 16h – "AAvenduta de JocaA", da Cia Única de Teatro – BA; dia 10/12 às 10h – As Cores Que Sinto, da produtora Conto de Quem Sonha – (RJ) e às 16h – “Cadê Rádbrin? – Uma Avenida Brincante", do Grupo Cadeiradebrin (BA); dia 11/12 às 10h – O Acrobata, do grupo Seres de Luz Teatro (SP) e às 14h – “Suspiros e Burbujas”, da Companhia Laguz Circo e Teatro (CE); dia 11/12 às 16h – "Barcarola Encantada", do Grupo de Teatro de Bonecos Vira Toco (BA); dia 12/12 às 10h – "Histórias do Mundão”, do Atelier Artístico Chegança (BA) e às 16h – "Um Príncipe Chamado Exupéry", da Cia Mútua (SC).

O Festival Nacional de Teatro Infantil de Feira de Santana – Fenatifs vai até 18 de dezembro, com a participação de 28 espetáculos de todo o Brasil e diversas atividades paralelas como oficinas, debates e rodas de conversa, que serão transmitidos gratuitamente pelo canal da Cia Cuca de Teatro no Youtube.
O 14º Fenatifs tem apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia, através do Edital 25/2016 – Eventos Culturais Calendarizados 2017/2019.

Programação de 7 a 12 de dezembro (2ª semana)

Teatro do Centro de Cultura Amélio Amorim

7.dez às 9h30, às 10h30 e às 14h – “Cyberbullying Misericórdia!” – Cia Cuca de Teatro

Maria Bonitinha, a menina do sertão, chega à cidade para passar uns dias na casa de sua melhor amiga, Joana Natureba, as duas passam o dia brincando com as bonecas de sisal e comendo as delícias da culinária nordestina. Quando Joana publica fotos da nova amiga nas redes sociais, Maria sofre cyberbullying por parte dos amigos de Natureba. Indignada com o comportamento nada legal dessa turminha, Bonitinha convida Joana para uma grande peleja internáutica, Maria vai mostrar pelo que tem muito orgulho de sua cultura. Espetáculo convidado Mostra Baiana com classificação Livre.

 

8.dez às 9h30, às 10h30 e às 14h – ”Metamorfose” – Grupo Ereoatá

Apresenta a rotina diária de um senhor sertanejo, vivendo as dificuldades da seca que assola o sertão. Em seu universo imaginário particular, vive em total isolamento e relaciona-se com elementos da natureza ao seu redor, resultando na descoberta de um mundo além das fronteiras da imaginação. Espetáculo convidado Mostra Baiana com classificação Livre.

 

9.dez às 9h30, às 10h30 e às 14h – “Vive Circo Show” – NUCCA

O espetáculo é um show de habilidades, com números de grande impacto utilizando técnicas circenses, como malabarismo e perna de pau. Trazem também números de palhaçaria com propostas divertidas e inovadoras que vão surpreender e encantar o público de todas as idades. Espetáculo convidado Mostra Baiana com classificação Livre.

 

Transmissão através do canal: www.youtube.com/CiaCucadeTeatro

08.dez às 16h – “A menina das pedras" – Revolução Teatral – BA

Inspirado no conto de domínio popular, o enredo de cunho social nos ajuda a pensar alternativas para resolver conflitos com criatividade. É, sem dúvida, um dos contos que pode propiciar novos rumos e alternativas de escape às situações que se apresentam sem solução aparente, com conteúdos implícitos que perpassam fatos recorrentes do dia a dia, como abuso de poder, opressão e exploração econômica. Espetáculo da Mostra Jovens Talentos com classificação 12 anos.

 

09.dez às 16h – "A aventura de joca" – Cia ÚNICA de Teatro – BA

Com muita música, dança e imaginação, essa turminha formada por Joca, Luna e o boneco Super Bim embarcam em grandes aventuras para cumprirem uma missão nada fácil, resgatar as brincadeiras, brinquedos e literatura esquecidos pelas crianças fixadas no mundo virtual. Para isso eles terão que cativar a rainha do esquecimento, a Rainha Maya. Espetáculo da Mostra Jovens Talentos com classificação livre.

 

10.dez às 10h – As Cores Que Sinto – Produtora: Conto de Quem Sonha – (RJ)

Como tem tantas cores no mundo e tantas cores que se podem ver, mesmo sem enxergar? Júlia enxerga as coisas de um jeito diferente: ela enxerga com as mãos. E assim, ela nos leva por todo o caminho da sua casa até a sua escola. Ela mora num lugar com várias casinhas, mas nenhuma mais especial que a dela: rosa! E quando ela desce até chegar à escola, todo dia é uma aventura diferente. Espetáculo da Mostra Jovens Talentos com classificação livre.

 

10.dez às 16h – “Cadê Rádbrin? – Uma Aventura Brincante" – Grupo Cadeiradebrin (BA)

Espetáculo cênico musical é uma apresentação interativa que traz o universo da cultura nordestina através de canções, contos e brincadeiras. A narrativa é sobre a aventura do menino Rádbrin (descendente de árabe), que numa viagem ao Nordeste se perde dos seus pais numa feira, encantado pelo som de um instrumento “diferente”. À procura dos pais, ele vive situações inusitadas que o levam a conhecer o encantamento e alegria a cultura nordestina. Espetáculo da Mostra Interior do Nordeste com classificação Livre.

 

11.dez às 10h – O Acrobata – Seres de Luz Teatro (SP)

Em “O Acrobata” vemos o clown Jasmim, numa tradicional saga de domadores de feras, tentando inutilmente fazer com que o seu insólito mascote Pippo realize “perigosas” proezas acrobáticas. Uma dupla muito especial, uma relação onde o domador e a mascote surpreendem a plateia por sua ternura e simplicidade. Espetáculo da Mostra Nacional com classificação Livre.

 

11.dez às 14h – “Suspiros e Burbujas” – Companhia Laguz Circo e Teatro (CE)

Composto por números de música, acrobacia, malabares e muito humor, o espetáculo traz a palhaça, acrobata, acordeonista e encantadora de bolhas de sabão gigantes, Burbuja e o palhaço, acrobata e malabarista, Suspiro, numa sequência de números que criam um universo encantador, convidando o público de todas as idades a brincar e a fazer parte do mágico mundo do circo. Espetáculo da Mostra Nacional com classificação Livre.

 

11.dez às 16h – "Barcarola Encantada" – Grupos de Teatro de Bonecos Vira Toco (BA)

A partir do encontro com Tõe, um garoto do sertão que, assim como muitos irmãos seus, foge do drama da seca em busca de condições melhores, Sá Binidita pega a sua viola e decide caminhar na direção do seu sonho em uma Barcarola Encantada, desbravando as margens do “Velho Chico” e encontrando os seres encantados. Espetáculo da Mostra Interior do Nordeste com classificação Livre.

 

12.dez às 10h – "Histórias do Mundão" – Atelier Artístico Chegança (BA)

Cansadas de só olhar o mundão através das telinhas, as irmãs Tina e Kekeu resolvem que é a hora de conhecer o DIFERENTE, e é a partir daí que elas embarcam numa aventura pela magia da leitura. Espetáculo da Mostra Nacional com classificação Livre.

 

12.dez às 16h – "Um Príncipe chamado Exupéry" – Cia Mútua (SC)

Teatro de animação inspirado na vida do escritor francês Antoine de Saint-Exupéry, narra o período em que ele, um jovem e destemido aviador, junto com seus amigos formavam “os cavaleiros do céu” e enfrentam o mar, o céu e o ar, a noite, o deserto, as montanhas e as tempestades para cumprir seu ofício: transportar o correio aéreo. Sem falas, esta montagem tem como cenário um velho hangar, criando uma atmosfera envolvente, delicada e tocante. Espetáculo da Mostra Nacional com classificação Livre.
 

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade