Feira será a primeira do Brasil a produzir Blue-Ray

O encontro entre a diretoria do Centro Industrial do Subaé (CIS) e os representantes, engenheiros e diretores da empresa coreana Digitmedia, realizado nesta quinta-feira, 24 de setembro, consolidou a parceria que deve gerar mais de três mil empregos para Feira de Santana, entre diretos e indiretos. Com a instalação da Digitmedia no CIS, Feira de […]

25/09/2009 12h02, Por Dilton e Feito

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

O encontro entre a diretoria do Centro Industrial do Subaé (CIS) e os representantes, engenheiros e diretores da empresa coreana Digitmedia, realizado nesta quinta-feira, 24 de setembro, consolidou a parceria que deve gerar mais de três mil empregos para Feira de Santana, entre diretos e indiretos.

Com a instalação da Digitmedia no CIS, Feira de Santana se torna a primeira cidade em todo território nacional a produzir o Blue-Ray, tipo de mídia digital com alta qualidade de e imagem e som, muito utilizada para a reprodução de filmes atualmente. Especializada em CD’s e DVD’s, a empresa utiliza tecnologias de última geração para a fabricação de mídias digitais.

A tecnologia também se vê nos equipamentos utilizados pelo empreendimento. “Todos os equipamentos são desenvolvidos para usar o mínimo de energia possível, priorizando fontes alternativas de energia, como células solares e biocombustíveis”, explica Luciano Meirelles.

Durante 90 dias serão realizadas obras de infraestrutura no terreno onde a empresa será construída, uma área de 72 mil metros quadrados localizada no Núcleo BR 324 do CIS. De acordo com o consultor Luciano Meirelles, da Uma Active Management, empresa paulista que media a negociação, serão priorizadas empresas da construção civil de Feira de Santana e região.
Sobre os benefícios da instalação da Digitmedia no município, Luciano Meirelles é enfático.  “A expectativa é que traga crescimento para a região, além do desenvolvimento sustentável com geração de emprego, que é condição prioritária”, declara.

Assim que instalada, a diretoria da empresa será assumida pelo vice-presidente executivo da LG Eletronics, Jeong Ho. Com investimento inicial de R$ 160 milhões, a Digitmedia conta 60% de fundos do Banco do Nordeste (BNB) e 40% de recursos próprios. O empreendimento ainda contou com incentivos fiscais do Governo do Estado, mas destaca seu interesse pela cidade por conta de sua localização geográfica. “Feira de Santana entrou como lugar estratégico para a logística, por estar perto do porto e das malhas ferroviária e rodoviária”, destaca Luciano Meirelles.

Informações da Assessoria de Comuniaação do CIS – Centro Industrial do Subaé.
 

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade