Feira ganha três novas escolas estaduais

64 escolas serão reformadas, os processos de aposentadoria de professores serão agilizados e haverá um mutirão para identificar as dificuldades de cada escola.

03/09/2009 10h23, Por Dilton e Feito

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

A construção de três novas escolas em Feira de Santana e a reforma de 64, a agilização de processos de aposentadoria de professores e a realização de um mutirão para identificar as dificuldades de cada unidade de ensino. Estas foram as principais deliberações da reunião entre o secretário de Educação da Bahia, Osvaldo Barreto, dirigentes da Direc-2 e representantes da APLB, na manhã de ontem (02). O encontro teve ainda a participação dos deputados José Neto (PT) e Eliana Boaventura (PR).

 O bairro Viveiros e o distrito de Jaguara serão contemplados com novas escolas e a terceira unidade será construída em local a ser definido juntamente com o prefeito Tarcízio Pimenta (DEM). “A nossa proposta é manter um diálogo permanente entre os representantes de Feira de Santana e a Secretaria de Educação”, disse José Neto, responsável pela articulação da reunião. Em entrevista ao programa Acorda Cidade, na manhã de hoje (03), ele afirmou que a preocupação agora é “deixar de lado a política e tratar a Educação com visão técnica.”

 Além de José Neto e Eliana Boaventura, participaram do encontro na Secretaria de Educação o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (APLB), Germano Barreto; o diretor da Diretoria Regional de Educação (Direc), Eutímio Almeida; o coordenador escolar da Direc, Beldes Ramos, e Indiacira Gomes, diretora da APLB.

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade