Feira de Santana

SMT instala botoeiras para facilitar travessia de pedestres em semáforos

As botoeiras permitem a travessia segura nos locais onde estão instaladas.

03/08/2022 15h41, Por Laiane Cruz

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Foto: Ed Santos/ Acorda Cidade

A Superintendência Municipal de Trânsito (SMT) de Feira de Santana está instalando 10 novas botoeiras em conjuntos semafóricos da cidade, para facilitar a travessia em locais onde há grande fluxo de veículos e pedestres.

A dona de casa Rosinete Batista Souza, que mora no bairro Queimadinha, foi buscar o filho na escola Associação Cristã Feminina, na Avenida Maria Quitéria, e decidiu acionar a botoeira que foi instalada na sinaleira próximo à unidade de ensino para facilitar a travessia. Ela parabenizou a medida da prefeitura.

Foto: Ed Santos/ Acorda Cidade

“Facilitou bastante, antes a gente não passava. Alguns carros paravam, outros não paravam e a gente ficava esperando horas. Agora é o tempo da pessoa ir para o outro lado”, afirmou.

De acordo com o superintendente Municipal de Trânsito, Cleudson Almeida, as botoeiras são equipamentos que permitem uma travessia segura nos locais onde estão instaladas, sobretudo por pessoas com algum tipo de deficiência e dificuldades com mobilidade.

Foto: Ed Santos/ Acorda Cidade | Superintendente de Trânsito, Cleudson Almeida

“Então as botoeiras permitem que pedestres possam fazer o acionamento, dentro do contexto da programação semafórica, e fazerem a travessia com muito mais segurança. Em nossa cidade, nós já as utilizamos, mas estamos trazendo agora equipamentos mais modernos, com nova tecnologia, com acionamento sonoro, de touchscreen e também leitor em braile”, afirmou Cleudson Almeida.

Ele informou que as botoeiras começaram a ser instaladas em locais como a Avenida José Falcão, a Avenida Transnordestina, próximo ao Conjunto Feira VI, na Avenida Maria Quitéria, e em lugares onde existem unidades de saúde e escolas, onde os pedestres fazem a travessia de forma mais constante.

Foto: Ed Santos/ Acorda Cidade

“A botoeira obedece a programação do conjunto semafórico para que também não ocorra a retenção de veículos, não se pode ocasionar problemas ao fluxo, considerando que a prioridade do trânsito é para o pedestre. Inicialmente serão instaladas 10 botoeiras, com previsão orçamentária de R$ 1.700 cada, dando um total de R$ 17 mil”, explicou.

Cleudson Almeira acrescentou que sinaleiras onde há presença de temporizadores continuarão a obedecer a programação do conjunto semafórico. Em locais onde estão instaladas as botoeiras, o sinal verde para travessia dos veículos não terá um tempo fixado, e a parada será com o acionamento das botoeiras.

Foto: Ed Santos/ Acorda Cidade

“Nesses locais, onde não existem cruzamentos, a tendência é que o sinal verde seja apenas interrompido com o acionamento da botoeira. Ele para por um tempo suficiente de travessia do pedestre. O tempo vai depender do contexto de cada via. Do sinal verde, ele vai para o sinal amarelo indicando que haverá modificação do sinal, e vai para o vermelho no tempo definido pelos técnicos. Não posso pontuar que o tempo de travessia para o Derba seja o mesmo da José Falcão, são vias com tráfego de veículos distintas. Então acionada a botoeira, o sinal sai do verde para o amarelo, depois o vermelho, e o pedestre faz a travessia. Agora, se outro pedestre quiser acionar imediatamente não será possível fechar, pois terá que respeitar o tempo que existe já programado no conjunto semafórico para passagem dos veículos”, observou.

Com informações dos repórteres Paulo José e Ed Santos do Acorda Cidade.

Siga o Acorda Cidade no Google Notícias e receba os principais destaques do dia. Participe também dos nossos grupos no WhatsApp e Telegram

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  1. VALDINEY PEREIRA disse:

    É a SMT retroagindo no tempo. Uma vergonha uma cidade como Feira de Santana a segunda maior cidade do estado, gastando dinheiro com coisas do passado. Ei SMT olhem para o futuro, parem de fazer ruas e Av. Estreitas ( como a Airton Senna e Franga Maia) o trânsito tem que fluir. Olhem para as grandes cidades, se vocês forem a salvador irão ver passarelas e mais passarelas que mais parecem ” bandeirolas” em época de São João. Justamente para o trânsito fluir. Avenidas com 4 ou 5 faixas, aqui separar um automóvel na Airton Senna, vc tem que invadir a faixa do lado esquerdo se quiser seguir, o canteiro com mais de 6 metros de largura kkkkkk. Na BR 116 norte ( Feira VI) o trânsito é parado para pessoas atravessarem a via, parece brincadeira uma coisa dessa. No verão, os vendedores ambulantes, acionam esses botões justamente para os carros pararem e eles venderem suas águas. O cúmulo do absurdo. Estão fazendo um viaduto enfrente a UEFS mesmo assim adivinha? Semáforo do lado do viaduto kkkkk na Getúlio Vargas ao lado da igreja Universitário retiraram o semáforo para para o trânsito de baixo do viaduto. Na época reconheceram o erro, agora voltaram a instalar novamente. Por fim eu acho que a ADM de Feira tem médico fazendo comida, e Cozinheira fazendo cirurgia.

    1. VALDINEY PEREIRA disse:

      * Se parar…
      * Para parar o trânsito…

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade