Origem-destino

Regiões metropolitanas de Feira de Santana e Salvador terão pesquisa de mobilidade

As entrevistas começarão a ser feitas a partir deste mês.

05/07/2022 06h35, Por Acorda Cidade

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Foto: Seinfra

A partir deste mês, mais de 24 mil domicílios em 19 municípios baianos das regiões metropolitanas de Salvador e Feira de Santana receberão a visita de pesquisadores para a realização de entrevistas com a pesquisa de Origem-Destino domiciliar que vão contribuir nos estudos de mobilidade, e na melhoria das condições de vida nas cidades em relação ao transporte coletivo e à organização do tráfego.

Além de colaborar para o mapeamento de informações do sistema de transporte que liga as duas regiões, os moradores também responderão questionamentos sobre outras diferentes áreas relacionadas com os aspectos socioeconômicos e de adequado uso do solo.

Os resultados dos estudos ajudarão na análise sobre a necessidade de intervenções referentes ao sistema de transporte coletivo e a organização do tráfego em ambas as regiões baianas. No trabalho de campo, os pesquisadores estarão devidamente identificados e uniformizados para entrevistar as pessoas nas suas residências.

A pesquisa é desenvolvida pelo Governo da Bahia, por meio da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), em parceria com o Consórcio formado pelas empresas Transplan Planejamento e Projetos S/A, APPE Assessoria para Projetos Especiais Ltda, Certare Engenharia e Consultoria Ltda e Concremat Engenharia e Tecnologia S/A.

“A realização da pesquisa de mobilidade permite planejar ações a longo prazo e pensar, não só o transporte e o deslocamento de pessoas, mas também a logística e o desenvolvimento das regiões”, ressalta o secretário de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti.

A pesquisa será realizada nos seguintes municípios:

  • Região Metropolitana de Salvador (13): Salvador; Camaçari; Lauro de Freitas; Simões Filho; Candeias; São Francisco do Conde; Dias D’Ávila; Vera Cruz; São Sebastião do Passé; Madre de Deus; Pojuca; Mata de São João e Itaparica.
  • Região Metropolitana de Feira de Santana (6): Feira de Santana; São Gonçalo dos Campos; Conceição do Jacuípe; Amélia Rodrigues; Conceição da Feira e Tanquinho.

Siga o Acorda Cidade no Google Notícias e receba os principais destaques do dia. Participe também dos nossos grupos no WhatsApp e Telegram

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  1. Ailton Almeida queiroz disse:

    Demorou pra issocontandocer. A tanto tempo criada RMFS e até hoje nenhuma política afirmativa para as cidades vizinhas. O Sistema de transporte decadente, contando somente com os transportes alternativos criando seus horários e prejudicando passageiros.

  2. Edson Gonçalves de Almeida disse:

    Aí já viu né ? Acabou o sossego

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade