Mobilidade Urbana

Prefeitura lança decretos que credenciam Táxis com carroceria e lança Aplicativo Mobizap

As medidas fazem parte da nova gestão da SMTT, que visam aprimorar a qualidade do transporte individual na cidade.

13/11/2023 às 18h33, Por Acorda Cidade

Compartilhe essa notícia

lançamento de app mobi zap ft Paulo José acorda cidade
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

Na tarde desta segunda-feira (13), o prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins Filho, assinou no Paço Municipal, decretos que credenciam os táxis com carroceria e a plataforma digital Mobizap.

As medidas fazem parte da nova gestão da Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), que visam aprimorar a qualidade do transporte individual na cidade e melhorar a acessibilidade da mobilidade urbana. 

Ao Acorda Cidade, o secretário da SMTT, Sérgio Carneiro, fez uma avaliação sobre a importância dos dois decretos e deu mais detalhes sobre as normas. 

lançamento de app mobi zap ft Paulo José acorda cidade
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

“São dois decretos, um permitindo aos taxistas a trocar os seus carros por mini picapes, carros com carroceria, que são usados por muitos comerciantes, pessoas da zona rural, pessoas que querem fazer o transporte de algum material, eles poderão fazer de forma segura com o carro legalizado, com o carro que nós temos um cadastramento na Secretaria Municipal de Transporte, e isso como nós sempre perseguimos, oferecemos aos nossos usuários segurança e conforto para o seu transporte”, declarou. 

Segundo o secretário, o aplicativo digital, o Mobizap, deve abranger os taxistas, mototaxistas e os motoristas comuns que também vão ter a oportunidade de se cadastrar. 

lançamento de app mobi zap ft Paulo José acorda cidade
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

“É um aplicativo que tem uma taxa fixa. O motorista vai ficar com 90% do valor, tem algumas bonificações, tem toda uma estratégia de marketing, é um aplicativo que já existe em São Paulo, já existe na Grande Vitória e Feira de Santana, é o primeiro município do nordeste a implantá-lo, então há uma série de vantagens se a pessoa optar pelo Mobizap, por isso nós o trouxemos para poder oferecer, como disse, ao nosso usuário de transporte, aquele que não tem o carro particular, todo o conforto e segurança”, pontuou.

lançamento de app mobi zap ft Paulo José acorda cidade
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

Um ponto importante levantado pelo secretário é a ferramenta de segurança que existe no App, que poderá ser utilizada a qualquer momento durante a viagem. Um botão de pânico que ao acionar, entra em contato com a polícia.

Além disso, ele explicou que quem optar por trabalhar com o app, vai pagar uma taxa fixa de 10,95%, diferentemente de outros aplicativos que tem uma taxa dinâmica.

lançamento de app mobi zap ft Paulo José acorda cidade
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

“O taxista pode faturar mais e só vai pagar os 10,95%. E uma coisa importante, é que o valor a ser pago ele vem para os cofres do município, diferentemente de outros aplicativos que vão para a iniciativa privada. Nós vamos estabelecer também os nossos critérios para que o usuário tenha um carro em boa condição de uso. Por exemplo, com relação aos taxistas, nós estamos no período de vistoria deles, porque queremos que o usuário ande em um carro confortável e em bom estado de conservação”, finalizou.

Ao Acorda Cidade, o diretor do aplicativo, Jair Martins informou que todo projeto incialmente foi implantado em São Paulo e os ajustes foram feitos de acordo com as necessidades solicitadas.

Jair Martins
Jair Martins | Foto: Paulo José/Acorda Cidade

“Este projeto começou em São Paulo, a gente acabou criando e viu essa necessidade de mobilidade urbana. Deu certo, o que nós fizemos foi adaptar todas as solicitações que a população e os motoristas nos deram, e aí a gente foi adaptando conforme a necessidade, é a mesma coisa que a gente vai fazer aqui em Feira de Santana, a gente vai trazer o aplicativo para cá, e conforme o tempo for passando, as solicitações do município, dos motoristas, a gente vai mudando conforme a necessidade”, explicou.

Ainda de acordo com Jair Martins, o sistema inicialmente será liberado apenas para os motoristas.

“A gente vai marcar um dia para a cidade colocar todo o cadastro, ele fica online inicialmente para motorista, depois para o passageiro. Uma vez feito todo este cadastro, vai ter a solicitação de documentação, toda validação dos carros, dos motoristas, dos passageiros, a gente libera o sistema para Feira de Santana, faz a publicidade, traz o nosso plano de marketing para cá e o aplicativo está funcionando”, comentou.

O presidente do Sindicato dos Condutores Autônomos de Veículos Rodoviários de Feira de Santana (Sincaver), Liomar Ferreira destacou a importância dos dois decretos assinados nesta segunda, beneficiando os trabalhadores da categoria.

Reunião no Sincaver
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

“Eu diria que os dois atos que o prefeito assinou na tarde de hoje, são de uma importância muito grande para categoria, o primeiro deles foi lá no gabinete do prefeito que foi assinado o decreto que inclui mais um aplicativo em nossa cidade, eu digo mais um porque já tem diversos outros aplicativos, só que este aplicativo nós estamos trazendo como um convênio feito entre a Prefeitura de São Paulo e a Prefeitura de Feira de Santana, e em relação ao segundo decreto, este sim relacionado à inclusão dos veículos, antes denominados de utilitários que não eram incluídos na concessão de táxis em nossas cidades, e que agora as prefeituras têm buscado atender a classe com a inclusão destes veículos”, concluiu.

lançamento de app mobi zap ft Paulo José acorda cidade
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

Participaram do lançamento vereadores, secretários, gestores e demais autoridades.

Com informações do repórter Paulo José do Acorda Cidade

Siga o Acorda Cidade no Google Notícias e receba os principais destaques do dia. Participe também dos nossos grupos no WhatsApp e Telegram

Compartilhe essa notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Queria saber pra onde vai mais esse recurso capitalizado com essa taxa fixa que vai para o cofre da prefeitura,prq arrecadar eles sabem agora reverter essa arrecadação em prol da sociedade que é difícil!

  2. Parabéns p/ envolvidos nesse projeto espero que venham chegar nas Demais cidades do Brasil como Esplanada e região p/ categoria proficiomais c/ alvará c/ mais de 10 anos .

  3. A intenção é arrecadar. Faço entregas com moto e digo, fazer via aplicativo “ifood” é se tornar prisioneiro de uma plataforma.

  4. QUERO DEIXA MEUS PAEABENS A TODOS PELA INICIATIVA EM ESPECIAL O PREFEITO COLBERT MARTINS,CONCERTEZA ISSO VAI TRAZER MUITA QUALIDADE NO SERVIÇO,SEGURANÇA PARA OS CLIENTES E SEGURANÇA FINANCEIRA PARA OS MOTORISTA. TIRO MEU CHÁPEU

Mais Notícias

image

Rádio acorda cidade