Feira de Santana

Justiça determina que Câmara realize nova votação para recondução de procurador do município

Segundo a decisão judicial, a votação apresentou irregularidades.

13/06/2022 10h39, Por Rachel Pinto

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Foto: Divulgação

O juiz Nunisvaldo dos Santos determinou nesta segunda-feira (13), que a Câmara Municipal de Vereadores realize uma nova votação para a recondução do cargo de procurador do município do advogado Carlos Alberto Moura Pinho.

Em sua decisão, ele pediu a suspensão da votação que ocorreu no dia 8 de junho que votou pela não recondução do procurador, pois de acordo com a Justiça, apresentou irregularidades. Segundo a decisão, uma delas foi o uso da tribuna livre da Câmara de Vereadores pela presidente do Sindicato dos Professores (APLB), Marlede Oliveira.

A decisão destacou ainda que o assunto foi divulgado pela imprensa como uma questão político partidária, e que inclusive no dia 10 de junho, a APLB realizou uma lavagem em comemoração a não recondução de Carlos Alberto Moura Pinho.

Leia também:

Moura Pinho judicializa pedido de recondução à Procuradoria do Município

Por 11 votos a 9, Moura Pinho não será reconduzido a Procuradoria do Município

APLB ‘faz lavagem da Procuradoria’ pela saída de Moura Pinho

Siga o Acorda Cidade no Google Notícias e receba os principais destaques do dia. Participe também dos nossos grupos no WhatsApp e Telegram

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  1. Prof Jorge disse:

    Vai ser novamente reprovada a recondução!

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade