São João

Centro de Abastecimento registra aumento dos produtos típicos para São João

Pensando em quem já está se organizando, o Acorda Cidade, foi até o Centro de Abastecimento em Feira de Santana para acompanhar os preços.

17/06/2024 às 16h55, Por Jaqueline Ferreira

Compartilhe essa notícia

milho
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

O São João já está batendo na porta. Na próxima semana, dias 23 de 24, as pessoas irão festejar com muito forró, união e animação para celebrar mais um ano da tradição nordestina. Uma das partes mais favoritas de quem participa dos festejos juninos, é a mesa repleta de delícias que são típicas da terra.

Pensando em quem já está se organizando para a festa, o Acorda Cidade foi até o Centro de Abastecimento de Feira de Santana para acompanhar como estão as vendas e preços do amendoim, milho e da laranja, alimentos preferidos que não podem faltar na beira da fogueira.

Amendoim

amendoim
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

O vendedor José Inácio da Silva, conhecido como Parêa, falou que o preço do amendoim já subiu na semana em que a festa vai começar. A saca está chegando a custar em torno de R$ 330.

amendoim
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

“Amendoim está bom, todo maduro, sem defeito. O balde está por R$ 20. Eu vendo uma faixa de 40 baldes por dia. Eu dormi aqui esperando um amendoim que vem de Sergipe”, contou.

amendoim
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

Laranja

A laranja está custando R$ 30 o cento. Na semana passada, a fruta era encontrada por R$ 25.

laranja
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

“A laranja de umbigo é a melhor. Ela vem de Cruz das Almas. Estava vendendo por R$ 40 o cento, mas não tem mais”, disse outro vendedor.

Antônio de Jesus, vende na Ceasa há quase oito anos. Ele explicou que a laranja de umbigo sempre é mais cara. O produto que ele vende vem da região de Inhambupe, Governador Mangabeira e Cruz das Almas.

laranja
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

Na barraca dele, o preço do cento da laranja de umbigo já está custando cerca de R$ 70. Ele acredita que não vai ter reajuste até domingo.

“Eu acredito que deve continuar o mesmo valor ainda. Pode até ter reajuste, mas eu acredito que vai continuar desse valor ainda. Tem gente vendendo de R$ 70, R$ 80, são esses preços aí. Este ano o movimento vai ser maior, graças a Deus. Eu creio que não vai faltar. Tem qualidade”, comentou.

Milho

No geral, o milho está sendo encontrado por R$ 1 a unidade. Ele que é usado no preparo do mingau, da canjica, também é comido assado, cozido, no bolo, entre outras tantas formas de comer o amarelinho.

milho
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

Na oportunidade, a reportagem do Acorda Cidade registrou vários caminhões do estado de Sergipe descarregando na Ceasa de Feira de Santana, como o milho, amendoim e muita laranja, sinal de que não vão faltar alimentos, segundo os vendedores.

milho
Foto: Paulo José/Acorda Cidade

Com informações do repórter Paulo José do Acorda Cidade

Leia também:

Confira os preços dos produtos juninos aplicados na Feirinha da Estação Nova

Comida típica do São João: vendas de amendoim começam a aquecer no Centro de Abastecimento

Siga o Acorda Cidade no Google Notícias e receba os principais destaques do dia. Participe também dos nossos grupos no WhatsApp e Telegram

Compartilhe essa notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. O aumento dos preços não é só no centro de abastecimento, é em todo lugar, a inflação não oficial é muito maior do que a divulgada. Estamos é muito ferrados e não se sabe onde vai parar. Aí ptralhada faça o L.

Mais Notícias

image

Rádio acorda cidade