Feira de Santana

Atendimento na Policlínica do Feira X é restrito nas primeiras horas do dia

Estavam sendo atendidos apenas casos de urgência e emergência.

26/06/2024 às 10h11, Por Jaqueline Ferreira

Compartilhe essa notícia

Policlínica do Feira X
Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Logo nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira (26), o atendimento na Policlínica do Feira X, em Feira de Santana, estava restrito. A reportagem do Acorda Cidade esteve na unidade de saúde e registrou alguns pacientes retornando para casa após a suspensão. Estavam sendo atendidos apenas casos de urgência e emergência. O motivo da paralisação era a falta de pagamento dos meses de maio e junho aos profissionais da unidade.

📲 NOTÍCIAS: siga o canal do Acorda Cidade no WhatsApp

Buscando uma endoscopia, a moradora Rita, do bairro Tomba, precisou aguardar algumas horas para confirmar se seria ou não atendida.

“A moça já falou ali que acho que não vai ter atendimento. Vão falar, mas não chegou ninguém até agora. O exame foi marcado para esse mês, mas já tem um tempão que eu estou esperando. Agora eu vou aguardar para remarcar, para saber quando vai ser”, disse.

Elaine Santiago veio do município de Conceição do Jacuípe para se consultar com o médico hepatologista. A Secretaria de Saúde da cidade, havia marcado a consulta nesta data, para a unidade. 

Policlínica do Feira X
Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

“Pelo visto não vai ter atendimento porque os funcionários não estão recebendo. Estou aqui no aguardo para ver que posição vai dar. Eu faço acompanhamento com a medicação e essa medicação está no fígado, então eu tenho que passar por um acompanhamento com hepatologista, que eu achava que iria conseguir aqui, mas como não vai ter atendimento, não sei como é que vai ser”, relatou Elaine. 

Segundo a moradora de Conceição do Jacuípe, ela deve procurar outros hospitais, porque não pode aguardar muito.

“Eu soube através do pessoal que eles não iam funcionar porque não estavam recebendo. O que não deixa de ser justo, né? Só que com isso todo mundo se prejudica”, disse.

Policlínica do Feira X
Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Antônia Gomes de Araújo chegou por volta das 6h30 para marcar uma consulta com o dentista, mas não conseguiu o atendimento.

Quem também tinha uma endoscopia marcada para hoje, foi uma moradora da Pampalona. Há três meses aguardando o exame, para ela foi uma surpresa não conseguir o serviço.

Após a exibição da reportagem no Programa Acorda Cidade, pela Rádio Sociedade News FM, 102.1, o pagamento começou a ser feito gradativamente.

Ao Acorda Cidade, o prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins da Silva, prestou esclarecimento sobre a suspensão dos atendimentos na Policlínica.

“A empresa só apresentou a nota ontem às 11h do pagamento correspondente. É um erro da empresa, um erro grave. Porque os médicos foram pagos cujo vencimento é dia 20, a nota chegou a tempo e o pagamento foi feito a empresa pagou, antecipou o pagamento e nós pagamos logo em seguida e agora a empresa mandou a nota fiscal ontem, terça-feira. Devia ter encaminhado antes do dia 20 também porque esse processamento demora pelo menos 48h, isso é com checagem das notas e tudo isso”, disse o prefeito.

Inauguração de Escola
Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Colbert ainda afirmou que “não tem justificativa para não ter atendimento médico” e frisou que “se alguém adiar qualquer exame médico o profissional vai ser demitido, quem quer que seja”.

“Recebe o dinheiro hoje e sai amanhã porque isso aí é querer atingir as pessoas. Atingir doente. E aí qualquer um, enfermeira, enfermeiro, técnico, não sobra ninguém que queira tomar uma atitude vergonhosa dessa para descontar uma coisa que não é o caso em cima dos pacientes. Portanto, os médicos estão todos em dia, todos estão pagos, portanto, todos estão trabalhando. Quem quiser fazer restrição de atendimento e se o fizer vai ser responsabilizado do ponto de vista pessoal e do ponto de vista profissional. Portanto, a empresa está aí. O pagamento vai ser feito pela empresa. Agora restringir o atendimento e prejudicar a paciente, a resposta a gente sabe dar. Quem faz isso não merece ficar no lugar trabalhando”, declarou Colbert.

Ainda segundo o prefeito, uma funcionária da empresa passou a informação incorreta e deve ser afastada. 

“A enfermeira responsável pela área de policlínica já foi para lá, mas a empresa que é a responsável, desde ontem esteve lá dentro da própria policlínica mostrando essas questões. De qualquer forma é importante dizer que todas as outras seis policlínicas e duas UPAs estão funcionando normalmente e não impactam no atendimento de urgência, nem de emergência”, afirmou.

A produção do Acorda Cidade também recebeu denúncias de que a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Queimadinha também estaria com o mesmo problema. Sobre isso, o prefeito falou que não foi informado sobre nenhuma irregularidade no atendimento na unidade. 

 “Não tenho conhecimento e não tem fundo de verdade”.

Após a reclamação ser veiculada, a reportagem do Acorda Cidade confirmou que o atendimento, tanto na Policlínica do Feira X, quanto na UPA da Queimadinha, estão normalizados.

A Secretaria de Saúde do município enviou a seguinte nota:

Nota de Esclarecimento

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) não pôde efetuar o repasse à empresa In Saúde, que gerencia a UPA Queimadinha, devido ao atraso na entrega de documentos essenciais por parte da empresa.

Na última sexta-feira (21), a In Saúde entregou a documentação pendente, que agora está sendo verificada pela SMS para que o repasse seja realizado o mais rápido possível. Neste ano, a SMS já repassou R$ 5.550.272,91 à empresa.

O contrato firmado entre a SMS e as empresas licitadas exige que essas instituições possuam saúde financeira suficiente para cumprir todas as suas obrigações legais, incluindo o pagamento de salários dos trabalhadores terceirizados, recolhimento de impostos e aquisição de materiais necessários para a prestação dos serviços.

Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade

Siga o Acorda Cidade no Google Notícias e receba os principais destaques do dia. Participe também dos nossos grupos no WhatsApp e Telegram

Compartilhe essa notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Os profissionais, num grito de desespero para ver de recebe seu dingo salário, resolve paralisar as atividades para chamar a atenção. A resposta que o excelentíssimo Sr. Perfeito Colbert dá, é ameaçar aqueles que estão cobrando o que é seu, seu salário que não foi pago. Esse atraso é frequente. Ou a prefeitura não pagou à empresa ou é conivente com ela. Toma vergonha Colbert! Que absurdo é esse na maior cidade do interior da Bahia?

  2. Só queria entender, como a prefeitura conseguiu gastar 800 mil reais com aluguel de cadeiras de roda e banheiro químico no São João,quando nas upas e policlínicas da cidade está faltando quase tudo, inclusive cadeiras de rodas. Quem entende dessa mágica , responde aí ?

  3. ESSE É O MÉDICO PREFEITO COLBERT MARTIINS DEIXANDO OS PROFISSIONAIS DE SAUDE MÉDICOS E ENFERMEIRO 2 MESES SEM RECEBER SEUS DEVIDOS SALÁRIOS E PROBLEMAS DE PROFISSIONAIS FICAR SEM O RECEBIMENTO DOS SEUS SALÁRIO NÃO É DA AGORA É UMA COISA QUE JA VEEM SE ALASTRANDO ANOS E ANOS DESDE QUANDO A EMPRESA TECERIZADA DE SAUDE ERA A IMAP QUE VEEM ACONTECENDO ATRASO DE SALÁRIO A PREFEITURA PREFEITO JOGA ACUPA NA EMPRESA TECERIZADA DIZENDO QUE A EMPRESA TEM QUE TER VERBA SOBRANDO NA CONTA PARA PAGAR OS FUNCIONÁRIOS DA SAÚDE A EMPRESA JÁ EXPLICA DE OUTRA FORMA QUE A PREFEITURA NÃO FEZ O REPASSE DO DINHEIRO PARA PAGAR OS FUNCIONÁRIOS E FICAR OS FUNCIONÁRIOS DA SAÚDE 2 E 3 MESES TRABALHANDO SEM RECEBER SEUS SALÁRIO ESSE E O RETRATO DO PREFEITO MÉDICO DA GENTE E SEMPRE SERÁ QUE A SUA PREOCUPAÇÃO E CONCENTRAÇÃO ESTA NA EDUCAÇÃO E CONSTRUÇÕES DE ESCOLAS MUNICIPAIS

  4. Pergunta ao prefeito se ele vai trabalhar sem receber,logo ele que é rico e tem varios salário ele deveria ter vergonha disso ,na mesa dele ñ falta agora quem ganha o mínimo pra tudo. Fora Colbert e seus anões

  5. Nós aqui da comunidade iremos da a resposta do péssimo trabalho do grupo liderado por José Ronaldo nas urnas , saúde em feira sempre foi um caos , porém de um ano para cá piorou muito , tenha uma parente com diabetes que as vezes e necessário fazer curativos e quase nunca tem os itens básicos , nossa família faz vaquinha para comprar esparadrapo na farmácia

Mais Notícias

Vacinação contra a raiva

Feira de Santana

Até o final da campanha de vacinação contra raiva cerca de 55 mil animais devem ser imunizados

Vacinação contra raiva acontece em 15 bairros de Feira até às 16h; confira a importância de imunizar os bichinhos.

13/07/2024 às 11h15

Bandas de rock

Dia de Rock, bebê!

Dia Mundial do Rock: conheça três cantores que se destacam no gênero musical em Feira de Santana

A data, 13 de julho, é reconhecida no Brasil, como o Dia Mundial do Rock, apesar de apenas os brasileiros...

13/07/2024 às 08h00

Procon apreende e descarta 37 litros de álcool líquido 70

Alerta

Procon alerta sobre práticas que o Código de Defesa do Consumidor proíbe

Outra situação apontada pelo Procon é o constrangimento ao cliente, conforme estabelece o artigo 71. Veja mais.

13/07/2024 às 06h46

unidade de saúde

Feira de Santana

Beneficiários do Bolsa Família terão até dia 19 para fazer acompanhamento obrigatório de saúde

O beneficiário deve procurar a unidade de saúde na qual é atendido e ao chegar na recepção deve informar que...

13/07/2024 às 06h37

telemarketing

Vaga de Emprego

Empresa de telemarketing realiza Feira de Oportunidades na próxima terça-feira (16)

O evento é voltado para candidatos interessados em vagas de Operador ou operadora de Telemarketing em Feira de Santana.

13/07/2024 às 06h25

Policlínica do Feira X

Feira de Santana

IGM inicia pagamentos dos médicos de Feira de Santana e categoria cancela restrição de atendimentos

Médicos decidiram adiar a restrição de atendimentos por dois dias consecutivos, durante assembleias realizadas nos dias 10 e 11 de...

12/07/2024 às 18h13

image

Rádio acorda cidade