Artigo

Caminhos para servir

Cada um escolhendo entre os mais variados caminhos e vivendo plenamente sua vocação, tem como meta principal a sua santidade e a salvação eterna

02/08/2022 17h19, Por Dom Itamar Vian

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

Foto: Pixabay

O mês de agosto, nas comunidades cristãs, é dedicado á reflexão sobre as diversas vocações. O significado da palavra vocação tem origem no verbo latino “vocare”, que significa chamar ou chamamento. A vocação é sempre um chamado de Deus. Cada vocação é um caminho para servir e alegria de servir às pessoas, é nossa melhor recompensa.
A PRIMEIRA
vocação, o primeiro chamado, o primeiro dom concedido por Deus é a vida. Esse chamado precede todos os demais. O ser humano, ao ter consciência de que a vida é um dom de Deus, é chamado a ser corresponsável pela promoção e defesa da vida e a corresponder a esse convite consigo mesmo, com os outros, com a Casa Comum (a Criação) com a sociedade e com Deus.
A PESSOA, pelo batismo, recebe o segundo chamado: Ser cristão. À medida que a pessoa cresce e toma conhecimento da própria fé, aos poucos, assume uma identidade que a caracteriza como seguidora do próprio Cristo. Consequentemente, é chamada a aderir à missão de Jesus, anunciando o Evangelho pela vida, pelo trabalho, pela palavra e pelo testemunho.
CADA PESSOA recebe de Deus uma vocação. É chamada para servir, seguindo caminhos diferentes: uns assumem o matrimônio, outros (as) a consagração na vida religiosa, outros o ministério diaconal, ou, presbiteral. Existem aqueles que não se sentem chamados a nenhum desses caminhos e dão sentido à sua vida, como leigos consagrados, dedicando-se a uma profissão e a causas nobres em prol da caridade.
PORTANTO, nenhum vocacionado pode esquecer de que é Deus quem chama, a pessoa é quem responde. O chamado é sempre feito para o serviço aos outros. Por isso, ninguém é pai ou mãe para si mesmo; ninguém é religioso (a) para si mesmo (a), ninguém é diácono ou padre para si mesmo. Quem traz felicidade e realização ao vocacionado são os destinatários da missão.
A PALAVRA de Deus nos diz: “Antes que você fosse dado à luz, eu o consagrei” (Jr 1,5). Consagrar significa separar e escolher. Desde o principio Deus já nos separou para Ele, para uma missão. Cada um escolhendo entre os mais variados caminhos e vivendo plenamente sua vocação, tem como meta principal a sua santidade e a salvação eterna: “Sede, pois santos, porque eu sou Santo” (Lv 11,45).

Dom Itamar Vian
Arcebispo Emérito
[email protected]

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade