Feira de Santana

Dom Itamar Vian apresenta arcebispo coadjutor

O arcebispo coadjutor Dom Zanoni Demettino Castro assumirá a arquidiocese de Feira de Santana, em substituição a Dom Itamar, que vai se aposentar.

06/02/2015 18h02, Por Maylla Nunes

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Daniela Cardoso e Ney Silva

O Arcebispo Metropolitano Dom Itamar Vian apresentou na manhã desta sexta-feira (6) à comunidade de Feira de Santana, durante uma coletiva de imprensa, o arcebispo coadjutor Dom Zanoni Demettino Castro, que até o final do ano assumirá a arquidiocese de Feira de Santana, em substituição a Dom Itamar, que vai se aposentar.

Dom Itamar informou que a nomeação de Dom Zanoni foi um presente do Papa Francisco para ele, quando na oportunidade completou 30 anos como Bispo. Ele informou que a função de Dom Zanoni na condição de arcebispo coadjutor é auxiliar em todas as atividades da arquidiocese.

“Temos mais de um milhão de habitantes, 39 paróquias e 64 setores de trabalhos, como as pastorais da comunicação, da criança, da pessoa idosa, dos direitos humanos. Dom Zanoni deverá participar das reuniões desses 64 setores e vai coordenar as atividades que envolvem todos os setores de educação da arquidiocese”, afirmou Dom Itamar.

Questionado sobre sua linha de trabalho, o arcebispo coadjutor Dom Zanoni, afirmou que o bispo é aquele é chamado a confirmar os irmãos na fé. Aquele que cuida, que zela, que protege, que evangeliza e ensina a verdade do evangelho. Dom Zanoni disse que a linha dele é a mesma da igreja, que é aquela da CNBB (Confederação nacional dos Bispos do Brasil), suas diretrizes, normas e orientações.

Ele disse que recebeu o convite da Nunciatura Apostólico, que é a representação da Santa Sé no Brasil. Dom Zanoni afirmou que a escolha foi diretamente do papa.

O arcebispo coadjutor, que veio de Vitória da Conquista, disse que tem vários colegas da igreja que estudaram com ele, que foram presbíteros, que foram colegas e trabalharam juntos em pastorais e que trabalham em Feira de Santana, o que vai facilitar o trabalho pastoral dele na cidade.

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade