Política

Lula acelera negociação de cargos do segundo escalão e inclui partidos de fora da base oficial, como Republicanos e PP

O objetivo principal das negociações e conversas de agora são os próximos projetos a serem enviados.

06/02/2023 às 10h39, Por Dilton e Feito

Compartilhe essa notícia

Foto: Fábio Rodrigues Pozzabom/ Agência Brasil

Finalizada a missão de reeleger o deputado Arthur Lira (PP-AL) e o senador Rodrigo Pacheco (PSD-MG) para os comandos da Câmara e do Senado, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) avança nesta semana as negociações de cargos do segundo escalão do governo.

O mapa inclui até aliados que estão fora da base de apoio oficial, como políticos do Republicanos e do PP.

Segundo assessores de Lula, as nomeações devem começar a ser publicadas no “Diário Oficial da União” desta semana para garantir a aprovação das primeiras medidas do governo no Congresso.

As principais votações só devem acontecer após o Carnaval, já na segunda quinzena de fevereiro.

Auxiliares do presidente disseram ao blog que serão publicados e negociados principalmente cargos para União Brasil, Republicanos e PP – para solidificar a presença do primeiro na base de apoio e garantir votos para o governo nos dois últimos.

Republicanos e PP não vão ingressar na base aliada de Lula, neste primeiro momento.

Lula vai se reunir com líderes aliados na quarta-feira (8) para falar da aprovação da MP do Bolsa Família, da reestruturação do governo e de medidas sociais.

O presidente sabe, porém, que pode ser derrotado nas MPs que tratam do Carf e da transferência do Coaf para o Ministério da Fazenda.

Dentro do Congresso, a ordem é manter o órgão no Banco Central, tentando evitar interferências políticas nos trabalhos da autoridade monetária.

O Palácio do Planalto, apesar das derrotas pontuais, confia na aprovação das primeiras medidas já baixadas pelo presidente Lula.

O objetivo principal das negociações e conversas de agora são os próximos projetos a serem enviados. A lista inclui a reforma tributária e o novo arcabouço fiscal – os primeiros grandes testes para a base de apoio do petista no Congresso Nacional.

Fonte: g1

Siga o Acorda Cidade no Google Notícias e receba os principais destaques do dia. Participe também dos nossos grupos no WhatsApp e Telegram

Compartilhe essa notícia

Categorias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Entra governo, sai governo e o toma lá dá cá continua. Acho que por não ceder a esse tipo de jogo, o falecido ex presidente Jânio Quadros acabou renunciando e segundo ele, por culpa das FORCAS OCULTAS

Mais Notícias

Em lançamento de pré-candidatura de Zé Ronaldo, ex-governador Paulo Souto diz que o momento é significativo para a cidade

Feira de Santana

Em lançamento de pré-candidatura de Zé Ronaldo, ex-governador Paulo Souto diz que o momento é significativo para a cidade

Sobre apoiar José Ronaldo durante a campanha, Paulo Souto, declarou que se for requisitado, a resposta é sim.

16/04/2024 às 22h36

José de Arimateia

Eleições

Candidato a prefeito em 2020, José de Arimateia firma parceria com José Ronaldo para as eleições deste ano

Questionado sobre a participação do partido caso José Ronaldo vença as eleições, José de Arimatia garantiu que o Republicanos fará...

16/04/2024 às 21h58

"Eu não sei quem está aqui presente, mas quem está aqui é porque gosta de José Ronaldo", diz pré-candidato à prefeitura

Eleições 2024

"Eu não sei quem está aqui presente, mas quem está aqui é porque gosta de José Ronaldo", diz pré-candidato à prefeitura

O ex-prefeito ressaltou que mesmo após anos de serviço público, seu estilo de vida permanece modesto.

16/04/2024 às 18h59

Sessão da câmara no Centro de Cultura Amélio Amorim

Feira de Santana

Secretária de Saúde será convocada pela Câmara para explicar descumprimento do piso salarial e situação precária do Samu

O requerimento, de autoria da Comissão de Saúde da Casa Legislativa, foi aprovado durante a sessão desta terça-feira (16).

16/04/2024 às 16h36

Sergio Moro

Política

Relatório aponta indícios de que Moro abriu processo para permitir repasses de valores de acordos a Petrobras

Segundo documento obtido pelo blog, processo sigiloso teria permitido o direcionamento, por integrantes da Lava Jato, de parte de multas...

16/04/2024 às 12h41

Presidente Lula

Política

Em jantar com ministros do STF, Lula discute nova onda de ataques à corte e ofensiva internacional

Encontro, na casa do ministro Gilmar Mendes, teve participação de Dino, Zanin e Alexandre de Moraes.

16/04/2024 às 12h32

image

Rádio acorda cidade