Polícia

Conheça Julieta, PM canina especialista em farejar armas e drogas

O comandante da 2ª Cia do BPRv, capitão Danilo Silva Nery Rosa, explicou que as aulas da beagle são repassadas por um dos policiais lotados na unidade, especialista nesta área.

17/01/2022 15h35, Por Rachel Pinto

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Acorda Cidade

Julieta tem apenas dois anos e três meses, mas o faro apurado demonstra a grande habilidade no trabalho de busca de entorpecentes. A policial canina da raça beagle passou a integrar o efetivo da 2ª Companhia (Jacobina) do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), durante a operação ‘Paz no Trânsito’, após período de capacitação.

O trabalho não é fácil, mas para a pequena não tem tempo ruim. Julieta atuará junto com os PMs em pontos de bloqueio montados de forma estratégica nas estradas da região Norte do estado, farejando drogas, armas e evitando a circulação de outros materiais ilícitos pela Bahia e estados vizinhos.

Foto: Divulgação SSP

O comandante da 2ª Cia do BPRv, capitão Danilo Silva Nery Rosa, explicou que as aulas da beagle são repassadas por um dos policiais lotados na unidade, especialista nesta área.

“Por conta da idade, apesar de já ser adulta, todos os treinos são como brincadeiras. Além disso, dividimos a rotina com o horário de descanso, período em que apuramos a atenção e os cuidados para que ela tenha uma atuação excelente”, disse.

O oficial contou ainda que na primeira ação como policial canina, Julieta mostrou dinamismo e grande adaptação no contato com as pessoas.

“O trabalho vai ajudar a otimizar muito o nosso tempo/resposta, principalmente pelo trabalho integrar uma operação que tem foco, além da retirada de circulação de veículos com condutores sob o efeito de álcool, na identificação de criminosos que portem armas e drogas, nosso principal objetivo”, detalhou o policial.

Durante a primeira ação, na tarde da sexta-feira (14), Julieta farejou 77 veículos, bagageiros de ônibus de viagem e compartimentos que poderiam servir como esconderijo de ilícitos, mas nada foi encontrado.
 

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Captcha

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade