Feira de Santana

Com o desejo em manter a tradição, família se reúne em mais uma Ceia de Natal

Natal é um momento de união, paz, confraternização e principalmente de oração e amor.

24/12/2021 19h02, Por Andrea Trindade

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

Gabriel Gonçalves

Como acontece todos os anos, a noite da véspera de Natal reúne familiares, e até mesmo os amigos mais próximos, para confraternizar. Este encontro é tradição na casa da professora aposentada, dona Maria de Lourdes, que sempre faz questão de reunir os filhos, netos e o primeiro bisneto da família para festejar.

Foto: Arquivo Pessoal

Em entrevista ao Acorda Cidade, a matriarca da família contou que essa comemoração ocorre desde quando ainda morava na zona rural de Feira de Santana.

"Eu ainda morava na Fazenda Galhardo e desde aquela época sempre nos reuníamos em família, e além dos meus filhos, ainda tinham os nossos vizinhos que eram pessoas próximas do nosso convívio e eram considerados como membros da família também. Então nós organizávamos a Ceia do Natal, e todo mundo levava a sua partilha e depois de um tempo que me mudei aqui para a zona urbana da cidade, essa tradição continuou entre nós família e agora já com novos vizinhos também, que sempre estão ali na nossa convivência", afirmou.

Para dona Lourdes, o simbolismo do Natal é considerado como um momento de união, paz, confraternização e principalmente, a oração que sempre está presente na família.

Foto: Arquivo Pessoal
 

"Eu digo que o Natal é a paz, união, a confraternização, a prosperidade e sem deixar de lado, a oração. A gente se reúne aqui, mas em primeiro lugar, sempre colocamos Deus em todas as preces, nos cânticos e isso é uma verdadeira tradição. Nesse período, nós estamos vivenciando o momento do advento, a chegada do menino Jesus, e isso está plantado no meio de nós, em nossos corações, pois a Paz de Cristo, está em nós. Isso nos deixa felizes, nos deixa contente, alegre, sorridente, estamos sempre sorrindo para o outro, porque isso é o amor. Hoje eu tenho 5 filhos, 12 netos e 1 bisneto e todos eles estarão comigo nesta Ceia de Natal", destacou.

Ainda segundo dona Lourdes, por conta da união familiar, amigos comentam que gostariam de ter uma família como exemplo da dela.

"Tudo isso aqui para mim, é um presente de Deus. Eu sou agradecida a Ele, por ter me dado uma família maravilhosa, uma família abençoada, uma família que muita gente gostaria de ter. Eu ouço as pessoas dizerem que gostaria de ter uma família como a minha e até os meus próprios filhos, dizem que eu deveria ter tido mais filhos e graças a Deus, todos se dão bem e um sente a falta do outro, quando chegam aqui, ficam perguntando do outro porque ainda não chegou, então viver nesta união, é um verdadeiro prazer e me sinto agraciada por isso", pontuou.

Foto: Arquivo Pessoal
 

Filha de dona Lourdes, Luciana de Souza contou à reportagem do Acorda Cidade que as famílias precisam entender o verdadeiro significado do Natal e assim, poder conviver em harmonia.

"As famílias precisam entender o verdadeiro sentido do Natal, a verdadeira importância do Natal, prezar pelo espírito Natalino, o que realmente é o nascimento de Jesus. Hoje a nossa família aqui, reúne em torno de 30 pessoas, entre todos os familiares, além de amigos, e um dos pedidos que a gente faz, é que possamos nesta noite de Natal, estarmos mais uma vez confraternizando, se abraçando, estando alegre, porque a presença do outro é fundamental, ainda mais neste período de Natal que possui um significado tão especial e que para nós, que somos cristãos, desejamos que realmente tenhamos um nascimento do menino Jesus dentro de nós, dentro do seio da família", afirmou.

Foto: Arquivo Pessoal
 

Por conta do alto número de casos da Covid-19 no ano passado, não foi possível reunir muitas pessoas dentro de casa. De acordo com Luciana, neste ano, a expectativa é que este número possa aumentar.

"No ano passado tivemos uma Ceia mais restrita com poucas pessoas, nem todos puderam participar e também pela questão dos cuidados. Mas a gente se reuniu tomando todas as precauções, para que esta tradição não se perdesse. Esperamos que tenhamos um clima de alegria, de gratidão a Deus, porque estamos aqui vivos neste final de 2021, e isso é mais um motivo de agradecer, então a gente espera que neste Natal, a gente possa celebrar isso com muito mais alegria e vigor", enfatizou.

Fazendo parte da terceira geração da família, Yuri de Oliveira Pereira, que é neto de dona Lourdes, informou que neste momento de Natal, o motivo é apenas de gratidão, em ver todos os familiares reunidos.

"Pra mim, tudo isso é gratificante, porque é um momento em que todos nós nos reunimos para concretizar os laços familiares, um momento de alegria, confraternização e de muita emoção. Chegamos ao final de 2021, vivendo ainda esta pandemia, mas aqui todos com saúde, então é motivo para agradecer. Portanto, eu desejo um Feliz Natal para todas as pessoas, e que venham outros e outros Natais para que possamos passar juntos novamente", concluiu.

Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade
 

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade