Feira de Santana

Com discussões paralisadas, feirantes ainda aguardam definição sobre saída da Marechal

Feirantes têm esperança de continuarem no local.

29/04/2022 às 06h25, Por Andrea Trindade

Compartilhe essa notícia

Laiane Cruz

Após uma série de reuniões e manifestações em 2021, os feirantes da Rua Marechal Deodoro permanecem em seus espaços, mas ainda temem ter que sair do local. A saída, no entanto, ainda não tem previsão para acontecer.

O vendedor de frutas e verduras Edimilson dos Santos Moreira acredita que há espaço suficiente para que os comerciantes fiquem na Marechal. Para ele, o que falta é somente organização.

“Se os ambulantes forem realocados desse local para o Centro de Abastecimento, vai ter um grande prejuízo, não só para os lojistas, mas também para quem vai comprar frutas e verduras, que termina entrando nas lojas para comprar algo que seja de sua necessidade como alimentos, carnes. Eu acho que o prefeito tem que pensar uma hipótese melhor, de deixar o pessoal. Eu acho que não têm condições da gente descer daqui para o Centro de Abastecimento. Lá não está vendendo nada, o pessoal do centro de abastecimento está subindo com os carros de mão para sair vendendo nas ruas da cidade. Está tão difícil lá embaixo”, afirmou o vendedor ao Acorda Cidade.

Na opinião dele, o prefeito optou por transferir o pessoal para as feiras dos bairros, mas isso também não dará certo, pois nestes locais, cada um já tem seu espaço, e os que chegarem da Marechal estarão 'tomando o lugar'.

Foto: Ney Silva/Acorda Cidade

A vendedora Edneide Ribeiro também vende frutas e verduras na Marechal Deodoro. Segundo ela, as negociações com a prefeitura estão paradas, e os comerciantes pediram uma audiência com o prefeito Colbert Martins, a fim de retomarem a discussão, mas até o momento não houve retorno.

“A gente não aceita essa proposta que já foi dita várias e várias vezes, que não é viável para a gente. O que precisa é de organização por parte da Prefeitura, vim auxiliar os feirantes, organizar direitinho, colocar lixeiras, banheiros que a gente necessita. Aqui só precisa de organização para ficar mais bonito do que já está. A gente já entregou ao prefeito o nosso projeto alternativo de permanência. Ele só fez dizer que era inviável a execução, mas não deu uma solução, disse que os engenheiros dele avaliaram e que não pode ser executado, mas a gente quer essa resposta documentada, de porque não pode ser executada”, destacou.

Foto: Ney Silva/Acorda Cidade

Outro vendedor de frutas e verduras, que se identificou apenas como Everaldo, informou que desde criança acompanhava a mãe, que era vendedora de melancias. Atualmente, ele vende aipim, batata, água mineral, variedades e beijus.

“É a minha única fonte de renda, meu irmão. Já se foram várias pessoas que eram do meu tempo e também agora temos parcerias com essas amizades nos quatros cantos de Feira de Santana e regiões.”

Segundo ele, prepostos da prefeitura estiveram no local coletando informações para fazer o recadastramento. O feirante acredita que será dada a chance aos ambulantes da Marechal de permanecerem no local.

“A Prefeitura está dando atenção, ela passou aqui, o pessoal passou aqui pegando os documentos para organizar, agora eu creio que eles vão colocar a gente em um lugar maravilhoso ou vai dar essa oportunidade da gente ficar permanente aqui na Marechal com organização.”

Foto: Ney Silva/Acorda Cidade

O atual secretário de Agricultura, Recursos Hídricos e Feiras Livres, Pedro Américo, afirmou em entrevista ao Acorda Cidade, que o projeto Novo Centro está se consolidando e a sociedade já compreendeu a importância disso.

“O projeto vai entrar na segunda etapa de requalificação, que vai entrar agora no processo da drenagem, mas nós temos um grande desafio que é fazer primeiro a readequação do uso do Centro de Abastecimento, então já foi apresentado, e estive no centro conversando com alguns comerciantes e representantes da associação, com o objetivo de entender quais as principais dificuldades e essa questão da realocação e do uso do solo dentro do local. A gente precisa, sim, fazer esse processo de discussão ampla com os comerciantes da Marechal. Existe essa determinação inicial, mas essa é uma pauta que a gente vai dialogar com o prefeito.”

Ele salientou que é necessário que se faça o recadastramento completo de todas as feirinhas, inclusive do Centro de Abastecimento.

“Vou apresentar ao prefeito e quero sentar com ele até a próxima semana no máximo para apresentar esse projeto pronto. O secretário Pablo já tinha preparado esse projeto, peguei já em andamento, começamos a adequar, modelamos, conversei com o setor jurídico da prefeitura, e o que nós queremos é fazer o recadastramento de todos os feirantes de toda a cidade e segundo vamos apresentar o projeto de reestruturação de todas as feirinhas e parte do Centro de Abastecimento”, destacou.

Para Pedro Américo, o que o consumidor quer é chegar e encontrar um lugar limpo, arrumado, seguro, para comprar, com estacionamento onde tenha a tranquilidade de deixar seu carro.

“O Centro de Abastecimento não é a única alternativa para os feirantes da Marechal, temos outras feirinhas, e temos o projeto de construção de mais quatro feirinhas na cidade. Essa é a nossa proposta, vamos apresentar ao prefeito Colbert já na próxima semana e ele autorizando, a gente já inicia o processo de licitação para que a gente possa ter o mais rápido possível a requalificação das feiras e do Centro de Abastecimento.”

Com informações do repórter Ney Silva do Acorda Cidade. 

Siga o Acorda Cidade no Google Notícias e receba os principais destaques do dia

Compartilhe essa notícia

Categorias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Notícias

Pontilhão

Feira de Santana

Pontilhão que liga os conjuntos Feira IX e Feira IV será reconstruído na próxima semana

A informação é do vereador Pastor Valdemir que, em pronunciamento na Câmara, comemorou a execução dos serviços pela Prefeitura na...

23/05/2024 às 17h04

Núcleo Agenda Bahia do Trabalho Decente

Feira de Santana

Núcleo da Agenda Bahia do Trabalho Decente é implantado em Feira de Santana 

A iniciativa do Governo do Estado, visa difundir os princípios do trabalho e obter contribuições para elaboração de políticas públicas....

23/05/2024 às 17h00

‘Café com Aroma de Cidadania’

Feira de Santana

Receita Federal incentiva doações para programas sociais através da declaração do Imposto de Renda; saiba como doar

O prazo para entrega do Imposto de Renda 2024 termina no dia 31 de maio.

23/05/2024 às 16h32

Lei Paulo Gustavo

Feira de Santana

Prefeitura promove oficina de elaboração de prestação de contas da Lei Paulo Gustavo no dias 4 e 5 de junho

As aulas vão ocorrer no Teatro Margarida Ribeiro. O primeiro dia da oficina, dia 4 de junho, será das 8h...

23/05/2024 às 15h51

Presidente do Conselho Tutelar - Antônio de Jesus Correia

Maio Laranja

Conselhos Tutelares apelam à sociedade que denuncie abusos sexuais a crianças e adolescentes

O presidente do Conselho número 2, Antônio de Jesus Correia, usou a Tribuna Livre da Câmara Municipal para falar sobre...

23/05/2024 às 15h26

Taxistas

Feira de Santana

Presidente do Sincaver responde sobre queixas feitas por associação na Câmara: ‘A vistoria é a mesma de 30 anos atrás’

Conforme Liomar Ferreira, as vistorias tem o objetivo de garantir conforto e segurança ao taxista, como também ao passageiro.

23/05/2024 às 12h08

image

Rádio acorda cidade