Feira de Santana

Campanha Papai Noel dos Correios é iniciada; adoção das cartinhas segue até dia 17

Por conta da pandemia, desde o ano passado, a procura foi muito baixa, segundo a coordenadora da campanha.

05/12/2021 09h17, Por Gabriel Gonçalves

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Gabriel Gonçalves

Já teve início e segue até o próximo dia 17 de dezembro, a campanha Papai Noel dos Correios, que está na 32º edição em todo o território brasileiro. As cartinhas para adoção, já estão disponíveis nas agência dos Correios da Avenida Getúlio Vargas e do bairro Tomba em Feira de Santana.

Em entrevista ao Acorda Cidade, a técnica de vendas e coordenadora da campanha no município, Rute Brito Nascimento, explicou que o projeto começou de forma interna entre os próprios funcionários, mas a ideia tomou uma grande proporção e foi aberta a todo o público.

"Essa campanha já existe há 32 anos em todo o Brasil e foi iniciada com as cartinhas em que as crianças escreviam e não tinham endereços para o Papai Noel. Então, os funcionários se juntaram e para dar estes presentes às crianças, virou uma campanha corporativa e hoje o nosso principal objetivo, é atender o desejo dessas crianças", explicou.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Entre os principais pedidos, estão os bonecos e bonecas. Mas entre uma carta e outra, é encontrado um pedido de algum equipamento eletrônico, como até mesmo um tablet.

"Os tradicionais pedidos são os carros, bonecos, bonecas, bolas, mas tem crianças que pedem também equipamentos eletrônicos como celular, videogame, tablet, notebook, e todas estas cartas já estão disponibilizadas tanto aqui na agência da Avenida Getúlio Vargas, quanto na agência do Tomba. Além disso, as pessoas também podem acessar o blog noel.correios.com.br, onde outras cartas também estão disponibilizadas", afirmou.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Como funciona o Papai Noel dos Correios?

De acordo com Rute Brito, existe um limite na faixa etária de idade da criança e todas as cartas deverão ser enviadas até o dia 17 de dezembro.

"A gente começou pegando as cartinhas das crianças das escolas públicas do município, cursando até a 5ª série, mas de modo em geral, as crianças que quiserem enviar, o prazo é até o dia 17, mas lembrando que temos um limite na idade destas crianças, que neste caso é de até 10 anos. Caso essa criança seja portadora de alguma deficiência, não há limites. É muito importante que estas cartas estejam acondicionadas em um envelope, onde terão todas as informações da criança, mas dentro da carta, essa criança só pode colocar o sentimento dela, o porque que ela quer tanto receber aquele presente, e a partir daí, nós disponibilizamos para o público, sem ter nenhuma identificação daquela criança onde mora, como forma de proteger essa criança, as pessoas só ficam cientes do nome", informou ao Acorda Cidade.

Por conta da pandemia, desde o ano passado, a procura foi muito baixa, segundo a coordenadora da campanha.

De acordo com Rute Brito, Feira de Santana já adotou mais de 10 mil cartas e espera que neste ano, o número também possa ser alto.

"Dentro desses 32 anos de campanha, já foram mais de 6 milhões de cartas adotadas, e aqui em Feira de Santana, já tivemos mais de 10 mil. E neste ano, a gente aproveita para convidar a toda a sociedade a abraçar este projeto, porque em virtude da pandemia, o número de adoções foi considerado pequeno", salientou.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Como as cartas serão adotadas até o dia 17 de dezembro, a coordenadora da campanha, explicou que a entrega de todos os presentes, acontecerá na semana seguinte, após arrecadação dos brinquedos.

 

Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidade

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade