Polícia

Quatro bandidos foram presos com drogas, armas e munições em transporte de aplicativo

O motorista por aplicativo também foi preso, mas afirma que não conhecia criminosos.

11/05/2023 às 15h00, Por Acorda Cidade

Compartilhe essa notícia

Foto: PRF/Divulgação

Quatro bandidos foram presos em um carro de transporte por aplicativo no fim da tarde de quarta-feira (10), na BR-101, a sete quilômetros do centro de Eunápolis. O motorista também foi detido. A quadrilha estava transportando quatro pistolas, cerca de dois quilos de drogas, mais de 200 munições, cinco coletes à prova de balas, toucas e casacos camuflados. Uma das armas estava com a numeração raspada.

O veículo foi fiscalizado por agentes da Polícia Rodoviária Federal porque colidiu na traseira de outro automóvel nas imediações da ponte do Rio do Peixe. Durante a abordagem, um policial avistou uma pistola dentro do carro e rendeu todos os ocupantes. Na busca interna, os agentes encontraram mais três armas de fogo e o restante do material, tudo acondicionado em mochilas e sacolas no porta-malas.

Foto: PRF/Divulgação

Motorista desconhece criminosos

O motorista de aplicativo, de 34 anos, afirmou para a polícia que não conhecia os criminosos. Ele mora em Eunápolis e relatou que tinha ido levar uma passageira na rodoviária da cidade de Itamaraju. Na volta, disse que foi abordado por quatro pessoas nas imediações do distrito de Montinho, em Itabela, que teriam oferecido R$ 200,00 por uma corrida até Eunápolis.

Reforço à facção

Os passageiros, Marcos Paulo Oliveira Gonçalves, de 22 anos, Allan Kariton Borges Moreira, 19, Bruno de Sousa Santos, 18, e Gustavo Santos da Conceição, de 24 anos, informaram à polícia que vieram dar suporte à facção criminosa Bonde do Maluco, que está em guerra por disputa de território com outra facção nos bairros Santa Lúcia e Itapoã.

Foto: PRF/Divulgação

Gustavo Santos da Conceição, que tem condenação por tráfico, fugiu do presídio de Eunápolis juntamente com outro detento em março deste ano, ao pularem um alambrado.

O motorista e os quatro passageiros foram autuados em flagrante por tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo, organização criminosa, associação criminosa e associação para o tráfico.

Siga o Acorda Cidade no Google Notícias e receba os principais destaques do dia. Participe também dos nossos grupos no WhatsApp e Telegram

Compartilhe essa notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Doido é quem roda como motorista de aplicativo. Se ele for inocente vai perder rios de dinheiro para provar que não tem nada a haver. Mesmo que os criminosos digam que ele não estava envolvido, a justiça pode condena-lo.

  2. Se fosse a PM aq de feira só ia olhar o documento do carro para ver se tava atrasado com a preocupação de arrecadar dinheiro para o estado e sei lá mais uq. 🤦🏼‍♂️

Mais Notícias

image

Rádio acorda cidade