Política

Após incidente na Ucrânia, Arthur do Val é acusado de estupro e diz ter ‘medo de sair na rua’

Deputado nega o crime, diz que caso foi encerrado e alega que tentam desgastá-lo.

09/03/2022 14h18, Por Maylla Nunes

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

Depois do vazamento de áudio sexista sobre mulheres ucranianas, o deputado estadual Arthur do Val (Podemos-SP) está envolvido em mais uma controvérsia. Ele é acusado de ter estuprado uma adolescente em uma escola do Paraná.

De acordo com informações da coluna de Lauro Jardim, no jornal O Globo, o parlamentar enviou um novo áudio no qual pede ajuda aos seguidores para “esclarecer” o incidente e disse estar com “medo de sair na rua”.

Segundo a publicação, em uma gravação de três minutos ele disse que o caso aconteceu em outubro de 2016 e que, após confusão, foi parar em uma delegacia. Arthur do Val afirmou que na ocasião foi registrado um boletim de ocorrência, mas que a garota teria se negado a fazer exame de corpo de delito.

O parlamentar disse ainda que o caso estava encerrado e afirmou que agora tentam reabrir para desgastá-lo. “Pela primeira vez na minha vida, eu realmente estou com medo de sair na rua. Só falta agora as pessoas acharem que sou um estuprador de uma criança de 16 anos”, declarou o deputado, após saber que soube da queima de um boneco com sua imagem na Avenida Paulista.

Nesta terça-feira (8), Arthur do Val enviou uma carta à Assembleia Legislativa de São Paulo apelando para que seu mandato não seja cassado. No texto, ele pede punição justa e diz que perda do mandato é pena “excessiva”.

Fonte: Bahia.Ba

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade