Bahia

Alunos do Projeto Remando no Litoral Sul conquistam medalhas em competição internacional

No total, o Brasil conquistou, no Sul-americano, 30 medalhas, sendo 14 de ouro, 9 de prata e 7 de bronze.

22/12/2021 15h35, Por Gabriel Gonçalves

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Acorda Cidade

Com quatro canoístas, o estado da Bahia foi muito bem representado no Campeonato Sul-americano de Canoagem Velocidade e Paracanoagem, conquistando quatro medalhas: três de ouro e uma de prata. A competição aconteceu entre os dias 17 e 19 de dezembro, em Montevidéu, no Uruguai.

Tendo como chefe da equipe a baiana Luciana Costa, todos os quatro canoístas são alunos do Projeto Remando no Litoral Sul, apoiado pela Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), autarquia da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre) e que oferece aulas de iniciação esportiva em canoagem a 360 alunos de baixa renda, de ambos os sexos, na faixa etária de 08 a 18 anos, nos núcleos de Itacaré, Ubatã, Ubaitaba e Maraú.

Estreando na competição, Adalberto Assunção, 13 anos, natural de Ubatã, conquistou o primeiro lugar no pódio duas vezes, nas provas do C2 1.000 e no C2 500m misto, em dupla, respectivamente, com o baiano Tailon Nascimento e com a paranaense Giovana Busko. Além da prata, nos C2 500m, conquistada em dupla com o itacareense Lucas Santos. No feminino, Adriely Viana, 16 anos, também de Ubatã, foi medalha de ouro na prova do C2 500, onde fez dupla com Giovana Busko.

No total, o Brasil conquistou, no Sul-americano, 30 medalhas, sendo 14 de ouro, 9 de prata e 7 de bronze.  

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Captcha

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade