Feira de Santana

Aberta há um mês, cratera gera transtornos a moradores do Campo Limpo

Segundo os moradores, não é incomum que o piso ceda ao longo desta área.

08/06/2022 13h01, Por Amanda Pinheiro

image image image image image

Compartilhe essa notícia

image image image image image

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Uma cratera localizada no cruzamento entre as ruas São João de Meriti e Resende, no bairro Campo Limpo em Feira de Santana, está bloqueando a passagem de veículos e até mesmo de pedestres. De acordo com moradores, a formação do buraco foi em decorrência de uma obra realizada pela Embasa no início do mês de maio e até o momento não foi concluída.

Ivani Silva reside na Rua São João de Meriti há 38 anos e relatou ao Acorda Cidade, que os transtornos perpassam desde a dificuldades na coleta de lixo a preocupações com a segurança das crianças.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade


“Eles vieram trabalhar aqui antes do Dia das Mães, e o problema começou com um buraco pequeno e evoluiu, acabou virando isso aí. Há mau cheiro, insetos, ratos, e além disso, nossas crianças não podem passar, não podem mais brincar na rua porque há o risco de cairem nesse buraco. Tem o transporte que não passa mais e a coleta de lixo. A gente tem que deixar os resíduos em pontos específicos para eles poderem recolher”.

Foto: Ed santos/Acorda Cidade


Devido a extensão do buraco, foi necessário sinalizar e colocar contenções para evitar acidentes e o crescimento da cratera. Apesar disto, o morador Wilson Brandão alerta que as medidas paliativas não são suficientes.

“O pior é que a contenção não está aguentando, vai acabar fechando tudo, que até as escoras que eles botaram de aço já quebraram”, comenta.

Foto: Ed Santos/Acorda Cidade


Há também o descontentamento, conforme Wilson, com o impasse entre os órgãos responsáveis pela reparação da área.

“Todo ano esse buraco estoura, é chover de trovoada e estoura. Aí a Embasa diz que é com a prefeitura, a prefeitura diz que é com a Embasa. E assim fica”, sinalizou.

Ao Acorda Cidade a Embasa informou que está realizando no local a manutenção da rede de esgotamento sanitário.

“Os serviços estão em andamento e devem ser concluídos até o final desta semana. A rede se encontra com obstrução devido ao lançamento irregular de água de chuva, caracterizando mau uso do sistema. Após a finalização do serviço, o aterro deve ser realizado pela prefeitura, que anteriormente trabalhou na manutenção da rede de drenagem no local”, informou.

Estagiária Amanda Pinheiro sob supervisão da jornalista Rachel Pinto.

Siga o Acorda Cidade no Google Notícias e receba os principais destaques do dia. Participe também dos nossos grupos no WhatsApp e Telegram

Compartilhe essa notícia

image image image image image image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Mais Notícias

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

image

Rádio acorda cidade