Acorda Cidade - Dilton Coutinho

28 de Janeiro de 2022
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Política

Todas as notícias
Publicado em 03/01/2022 06h24.

Planalto diz que Bolsonaro passa bem e que detalhes sobre estado de saúde serão informados em boletim médico

Presidente relatou dores abdominais. Médico que acompanha Bolsonaro aguarda voo para retornar ao Brasil e avaliar quadro.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Planalto diz que Bolsonaro passa bem e que detalhes sobre estado de saúde serão informados em boletim médico
Foto: Reprodução/Instagram

Acorda Cidade

Em uma nota divulgada no início da manhã desta segunda-feira (3), a Secretaria Especial de Comunicação da Presidência da República (Secom), disse que o presidente Jair Bolsonaro passa bem após ser hospitalizado por sentir dores abdominais durante as férias em Santa Catarina.

A nota informou ainda que maiores detalhes sobre o estado de saúde do presidente serão divulgados em boletim médico.

Bolsonaro foi levado na madrugada desta segunda para o Hospital Vila Nova Star, na Vila Nova Conceição, Zona Sul de São Paulo. A suspeita, segundo sua equipe médica, é que ele esteja com uma nova obstrução intestinal.

"A Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom) informa que o Presidente da República, Jair Bolsonaro, após sentir um desconforto abdominal, deu entrada no Hospital Nova Star, em São Paulo, na madrugada desta segunda-feira (3), para a realização de exames. A Secom informa, ainda, que o Presidente passa bem e que mais detalhes serão divulgados posteriormente, após atualização do boletim médico", informou a Secom.


Desde que foi vítima de uma facada durante a campanha eleitoral de 2018, Bolsonaro já passou por quatro cirurgias em decorrência do episódio. Ele também passou por outros dois procedimentos não relacionados ao ferimento: a retirada de um cálculo na bexiga e uma vasectomia. Em julho, ele precisou ser hospitalizado devido a soluços persistentes.

O médico Antônio Luiz Macedo, que operou Bolsonaro após a facada e acompanha a evolução do caso desde então estava nas Bahamas quando foi avisado do quadro de desconforto abdominal do presidente. Ele vai voltar ao Brasil, mas, inicialmente, não acredita na necessidade de Bolsonaro fazer uma nova cirurgia.

 

Fonte: G1

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Justiça Federal arquiva caso do triplex contra ex-presidente Lula
Política

Justiça Federal arquiva caso do triplex contra ex-presidente Lula

Ex-presidente não pode mais ser punido em eventual condenação

Após dossiê, presidente da Câmara diz que é alvo de chantagem por vereador Correia Zezito
Feira de Santana

Após dossiê, presidente da Câmara diz que é alvo de chantagem por vereador Correia Zezito

Para o vereador, o colega esperava que a Câmara continuasse sendo presidida ‘pelo passado’. E disse que Zez...

Vereador Correia Zezito entrega ao MP dossiê contra a Mesa Diretiva da Câmara
Política

Vereador Correia Zezito entrega ao MP dossiê contra a Mesa Diretiva da Câmara

O dossiê menciona investigação já realizada pelo Ministério Público acerca de assessores parlamentares l...

Vídeo

Covid-19: com poucos funcionários, drive-thru da prefeitura gera longas filas na Ayrton Sena Veja mais Vídeos ›

Ouça Agora

Programa desta sexta-feira 28.01.22:
Mais áudios ›

Facebook

Instagram