Acorda Cidade - Dilton Coutinho

28 de Janeiro de 2022
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Mundo do trabalho

Todas as notícias
Publicado em 31/12/2021 11h35.

Esgotamento emocional no fim do ano acende alerta para Síndrome de Burnout

As consequências de uma prolongada rotina desregrada podem manifestar exaustão ou até mesmo problemas mais sérios.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Esgotamento emocional no fim do ano acende alerta para Síndrome de Burnout
Foto: Freepik

Acorda Cidade

Apesar do clima festivo e de todas as celebrações que o fim de ano traz, é nessa mesma época em que muitas pessoas costumam apresentar cargas elevadas de estresse. O acúmulo de afazeres no dia a dia e de compromissos sociais nesse mesmo intervalo podem gerar ansiedade e cobranças profissionais, resultando em um impacto negativo na saúde física e emocional.

Nos últimos meses do ano, período em que as pessoas se dedicam para concluir projetos que demandam mais tempo e esforços, a pressão aumenta ainda mais. “Muitos podem sentir uma sobrecarga de estresse, fadiga, falta de paciência e até mesmo ausência de prazer ao realizar tarefas simples”, alerta a psicóloga Liliana Lopes.

Para a psicóloga, as consequências de uma prolongada rotina desregrada podem manifestar exaustão ou até mesmo problemas mais sérios, como a Síndrome de Burnout, resultado da tensão no trabalho, que pode se tornar no indivíduo uma condição crônica de estresse agudo que leva ao esgotamento físico e mental.

Para identificar a síndrome que tem acometido cada vez mais pessoas, é necessário um diagnóstico mais preciso, uma vez que pode ser confundida com outras doenças como a depressão. Liliana Lopes reforça que a diferença entre a depressão e a síndrome está no fato da Burnout estar intrinsecamente ligada à rotina profissional.

No entanto, alguns especialistas apontam que os sintomas que levam à Síndrome de Burnout vão além das que estão atreladas ao ambiente de trabalho. Eventualidades, como problemas de ordem médica, como procedimentos delicados, questões familiares e financeiras também podem contribuir para essa condição.

É possível identificar, entre os sintomas mais comuns da síndrome de Burnout, a ansiedade, exaustão, tristeza, indiferença, agressividade, distanciamento afetivo e desinteresse pelo trabalho. Entretanto, as manifestações dessa condição atingem a saúde física com sintomas, como dores de cabeça frequentes, problemas gastrointestinais, batimento acelerado e insônia.

“A busca pelo equilíbrio deve ser sempre a principal opção entre nossas escolhas, pois, desse modo, percorreremos um caminho mais saudável em nossa vida. O excesso de trabalho e o sedentarismo podem acarretar problemas tanto mentais quanto físicos. Manter um estilo de vida que prioriza o bem-estar é decisivo para conseguirmos qualidade nos nossos dias”, explica Liliana Lopes. 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Empresas e trabalhadores devem ficar atentos às mudanças da NR 01
Mudanças

Empresas e trabalhadores devem ficar atentos às mudanças da NR 01

A NR 1 é o conjunto de normas técnicas direcionadas a saúde e segurança do trabalho, definindo as disposi...

Inscrições para o curso de desenvolvedor de sistema web e aplicativos no-code nesta segunda
Feira de Santana

Inscrições para o curso de desenvolvedor de sistema web e aplicativos no-code nesta segunda

Alunos que obtiverem nota acima de oito serão contratados como trainee.

Mulheres no Comando: a primeira plataforma de desenvolvimento de lideranças femininas do Brasil
Mercado de Trabalho

Mulheres no Comando: a primeira plataforma de desenvolvimento de lideranças femininas do Brasil

A edtech funciona como uma plataforma de desenvolvimento de lideranças femininas, na qual as assinantes pagam...

Vídeo

Covid-19: com poucos funcionários, drive-thru da prefeitura gera longas filas na Ayrton Sena Veja mais Vídeos ›

Ouça Agora

Programa desta sexta-feira 28.01.22:
Mais áudios ›

Facebook

Instagram