Acorda Cidade - Dilton Coutinho

23 de Outubro de 2021
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Polícia

Todas as notícias
Publicado em 11/10/2021 15h26.

Investigações apontam que crime contra vereador de Ipecaetá tenha relação com tráfico de drogas

Segundo o delegado, a esposa do vereador informou que ele era envolvido com o tráfico de drogas.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Investigações apontam que crime contra vereador de Ipecaetá tenha relação com tráfico de drogas
Foto: Correio da Cidade

Gabriel Gonçalves

Na noite da última quinta-feira (7), o vereador de Ipecaetá Sivaldo Alves Barreto (PSD), conhecido como Bagaceira, foi assassinado a tiros dentro de um bar no município de Santo Estevão.

Em entrevista ao Acorda Cidade, o delegado Luís Osório, titular da Delegacia Territorial (DT) de Santo Estevão, informou que há três linhas de investigação para elucidar o crime, entre elas, o envolvimento do político no mundo do crime.

"Nós já temos três linhas de investigação, uma é a própria política e que nós estamos concluindo até o final da semana, a segunda é a questão pessoal, afetiva que até o presente momento, não há nenhum indício, nenhum caminho para a gente seguir, então esta, provavelmente será descartada e temos a terceira linha de investigação, que é vida dele no dia a dia, a comercial. A esposa dele declarou que ele traficava, então era um vereador traficante. Estamos investigando de onde partiu esta ordem, se foi de algum grupo de Santo Estevão ou se foi de algum grupo de Simões Filho, onde ele também tinha uma base", explicou.

De acordo com o delegado, dois homens efetuaram os disparos contra o vereador Sivaldo Alves Barreto.

"Dois carros param, um ainda fica parado e o outro se aproxima do local, saltam dois elementos que vão em direção ao vereador, disparam contra ele na cabeça, nisso ele cai, e continuam disparando na região do pulmão", disse.

Ainda segundo o delegado Luís Osório, as investigações estão passando por algumas dificuldades, pois as pessoas que estavam no momento do crime, se recusam a prestar qualquer informação. De acordo com ele, a Polícia Civil também está em busca de um homem que está presente em uma foto do vereador, horas antes de ser assassinado.

"Como sempre, as pessoas tomam um pó de pirlimpimpim e desaparecem, nem a dona do bar sabe quem ela estava servindo naquela noite. Nós estamos em busca da pessoa com quem ele estava acompanhado, porque temos o indício de uma foto do vereador que foi enviada para a esposa por volta das 14h, mas não sabemos se este mesmo sujeito, é o mesmo que estava com ele no momento do homicídio", concluiu.

 

Leia também: Vereador de Ipecaetá é assassinado em Santo Estêvão

 

Com informações do repórter Aldo Matos do Acorda Cidade

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Acusado de mandar matar pediatra é preso em Barreiras
Bahia

Acusado de mandar matar pediatra é preso em Barreiras

O homem estava com a prisão temporária decretada pela Justiça.

Preso padrinho que abusava da afilhada de 12 anos em Amargosa
Bahia

Preso padrinho que abusava da afilhada de 12 anos em Amargosa

Homem de 66 anos foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável. Ele enviava mensagens com teor sexual, a...

Jovem que atendia ilegalmente como médico diz que atuava em hospital sob supervisão; pena pode chegar a 7 anos de prisão
Feira de Santana

Jovem que atendia ilegalmente como médico diz que atuava em hospital sob supervisão; pena pode chegar a 7 anos de prisão

O caso estava sendo investigado pela 1ª Coordenadoria da Polícia Civil, após a informação ter sido passad...

Vídeo

Comerciantes dizem que podem voltar à Sales Barbosa se não houver diálogo com o prefeito Veja mais Vídeos ›

Ouça Agora

Programa desta sexta-feira 22.10:
Mais áudios ›

Facebook

Instagram