Acorda Cidade - Dilton Coutinho

19 de Outubro de 2021
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Política

Todas as notícias
Publicado em 20/09/2021 09h05.

Rui afirma que pode ir ao STF para continuar vacinando adolescentes

Na semana passada, o Ministério da Saúde recomendou a suspensão da imunização para menores sem comorbidades; CIB decidiu reinserir este público
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Rui afirma que pode ir ao STF para continuar vacinando adolescentes
Foto: Divulgação

Acorda Cidade

Se for necessário, o governo baiano vai acionar o Supremo Tribunal Federal para garantir a vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos. A afirmação foi feita pelo governador Rui Costa na manhã desta segunda-feira (20), em entrevista a rádios do interior. Na semana passada, o Ministério da Saúde editou uma recomendação que suspende a imunização de menores sem comorbidades. Algumas capitais, como Salvador, atenderam ao órgão federal, mas na sexta-feira (17) a Comissão Intergestores Bipartite decidiu pela manutenção do deste público nas ações de imunização.

“Nossa orientação é não seguir o ministério no sentido de não vacinar adolescente. Não faz o menor sentido”, resumiu Rui. “Eu quero recomendar que a gente continue em todos os municípios a vacinação. A vacina é que protege as pessoas, salva vidas”. O gestor argumentou que a inclusão dos adolescentes na imunização contra a Covid-19 é adotada por outros países, sem nenhuma indicação de suspender a aplicação de vacinas.

Perguntado sobre a área de eventos e celebrações, o governador descartou qualquer chance de o Estado liberar iniciativas com acesso de público com apenas uma dose de vacina contra a Covid-19. Para o governador, a proteção com apenas uma aplicação é reduzida, tanto que com os idosos já está havendo a terceira aplicação. “Estou esperando apenas a vacinação em segunda dose avançar para ampliar a exigência (de ter tomado a aplicação de reforço)”, respondeu. Na entrevista, Rui ressaltou que, do ponto de vista legal, o interesse coletivo e a proteção à saúde prevalecem sobre o interesse pessoal.

Fonte: Bahia.ba

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Ministério garante ao STF que Bahia e demais estados terão vacinação completa contra covid-19
Política

Ministério garante ao STF que Bahia e demais estados terão vacinação completa contra covid-19

Em ação, governo baiano reclama de defasagem de doses para o estado

Governo sanciona lei que cria autoridade de segurança nuclear
Política

Governo sanciona lei que cria autoridade de segurança nuclear

A lei foi publicada hoje no Diário Oficial.

Bolsonaro diz que determinará redução da bandeira tarifária na luz
Brasil

Bolsonaro diz que determinará redução da bandeira tarifária na luz

Declaração foi dada durante evento evangélico em Brasília.

Vídeo

Princípio de incêndio atinge distribuidora de produtos automotivos na Rua Cristóvão Barreto Veja mais Vídeos ›

Ouça Agora

Programa desta terça-feira 19.10:
Mais áudios ›

Facebook

Instagram