Acorda Cidade - Dilton Coutinho

23 de Setembro de 2021
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Dilton e Feito

Todas as notícias
Publicado em 14/09/2021 10h31.

Prefeito Colbert relata preocupação em votação da LDO na Câmara; recursos para entidades estão entre as emendas

O prefeito se reuniu com representantes de entidades para debater sobre o assunto.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Prefeito Colbert relata preocupação em votação da LDO na Câmara; recursos para entidades estão entre as emendas
Foto: Divulgação/ Secom | Câmara Municipal de Feira de Santana

A Câmara Municipal de Feira de Santana vota nesta terça-feira (14), pela segunda vez, o Projeto de Lei 110/21, que dispõe sobre as diretrizes para elaboração da Lei Orçamentária (LDO) referente ao exercício financeiro de 2022. Dentre as 22 emendas apresentadas, também será votada a aprovação do veto do executivo sobre o convênio de entidades socioassistenciais com administração municipal e órgãos estadual e federal, sem que haja autorização do Poder Legislativo.

Em entrevista ao Acorda Cidade também na manhã de hoje, o prefeito Colbert Martins revelou uma preocupação se o veto não for aprovado, já que as entidades deixariam de receber os recursos. Ainda segundo Colbert, também não é necessário que os recursos de entidades sejam direcionados para apreciação da Câmara.

“Qualquer tipo de entidade até sem fins lucrativos está proibida de qualquer tipo de convênio a não ser que crie uma lei na Câmara para autorizar que a prefeitura gaste. O que eles estão preocupados é que esses recursos voltem. Não dá tempo de colocar uma votação para autorizar algo que alguém faz uma destinação. Meu imposto de renda, eu quero fazer uma doação para uma instituição por exemplo, mas não posso, precisa ir para a Câmara para autorizar. Não existe isso no governo do estado, em lugar nenhum. Esperamos que a Câmara reveja essa posição. Essa é uma das 22 emendas e nós vetamos esse tipo de regra porque é ruim para a prefeitura e impede qualquer entidade privada de receber recursos. O que é da Apae, tem que ir para a Apae, não precisa ir para a Câmara para autorizar. Espero que a Câmara mantenha o veto. Pedi ao governo para manter o veto e aprovando o veto, a Apae possa receber o recurso direto para ele", destacou. (Por Maylla Nunes)  
 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Projeto de Lei que prevê cobertura em estacionamento de Shoppings é aprovado em primeira votação
Câmara Municipal

Projeto de Lei que prevê cobertura em estacionamento de Shoppings é aprovado em primeira votação

Ao Acorda Cidade, o vereador citou o preço que muitos estabelecimentos cobram e não oferecem uma estrutura a...

Após ser criticado, prefeito diz que vereador precisa se comportar como pato novo
Política

Após ser criticado, prefeito diz que vereador precisa se comportar como pato novo

Procurado pelo Acorda Cidade, Colbert Martins declarou que o atual presidente da Câmara da capital baiana, te...

Comissão da Câmara barra a tramitação de emendas que extinguiriam gratificações e criação de cargos
Política

Comissão da Câmara barra a tramitação de emendas que extinguiriam gratificações e criação de cargos

A Comissão de Constituição, Justiça e Redação, no entanto, apresentou pareceres genéricos em que afirma...

Vídeo

Influencers celebram Hit das Vacinas por incentivar jovens a se imunizarem contra Covid-19 Veja mais Vídeos ›

Ouça Agora

Programa desta quarta-feira 22.09:
Mais áudios ›

Facebook

Instagram