Acorda Cidade - Dilton Coutinho

23 de Setembro de 2021
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Dilton e Feito

Todas as notícias
Publicado em 13/09/2021 17h24.

João Roma rebate Rui Costa e diz que 'pior pecado é transferência de responsabilidade'

Para Roma, os números evidenciam que os governos do PT na Bahia fracassaram na gestão da segurança pública.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
João Roma rebate Rui Costa e diz que 'pior pecado é transferência de responsabilidade'
Foto: Fabio Rodrigues/Agência Brasil | João Roma

O ministro da Cidadania, João Roma, rebateu nesta segunda-feira (13) as declarações do governador Rui Costa (PT) sobre os elevados índices de violência na Bahia e disse que o “pior pecado é a transferência de responsabilidade”. Ao comentar sobre a morte de dois policiais militares da Rondesp, o governador petista colocou a culpa na política de armas do governo do presidente Jair Bolsonaro para a escalada da violência.

Roma, por outro lado, ressaltou que o Brasil vem registrando redução no número de homicídios, enquanto a Bahia vai na contramão e tem tido aumento. Dados do Monitor da Violência, do G1, por exemplo, mostram que o estado teve crescimento de 7,1% nas mortes violentas no primeiro semestre deste ano em relação a 2020 – saiu de 2.737 para 2.931. Neste mesmo período, o Brasil registrou queda de 8%.

“Caiu por terra o argumento do governador”, rebateu Roma. “Pior pecado: transferência de responsabilidade. A violência vem caindo no Brasil todo graças a uma política firme do governo Bolsonaro no combate à criminalidade. Temos registrado, por exemplo, recordes de apreensão de drogas. Já a Bahia vai na contramão do país. Até quando vamos tolerar a falta de planejamento e investimentos na Segurança pública?”, continuou o ministro.

Em seu Twitter, Roma ainda lamentou a morte dos policiais e criticou os governos petistas pela escalada da violência na Bahia. “Me solidarizo com as famílias dos PMs Sd. Antônio Elias e Ten. Grec, vítimas da violência. Jovens comprometidos a nos proteger e que nos deixam muito cedo com um exemplo de dedicação ao ofício. Mais um triste fim de semana de rotina de homicídios na Bahia. Lamentável legado do PT”, escreveu.

A mais recente edição do Atlas da Violência, divulgada no mês passado, mostrou que a Bahia novamente lidera o ranking de homicídios no Brasil. O estado registrou 6118 casos em 2019 (ano mais recente considerado pela pesquisa), com mais de 2500 mortes a mais em relação ao segundo colocado.

O Atlas da Violência mostra que, entre 2018 e 2019, o Brasil teve uma queda de 21,4% no número de assassinatos – saindo de 57956 para 45503. Na Bahia até houve uma diminuição dos números, mas bem abaixo ao registrado no país. A redução no estado foi de 9,8% – foi de 6787 para 6118.

Para Roma, os números evidenciam que os governos do PT na Bahia fracassaram na gestão da segurança pública. “O que temos na Bahia é uma insegurança pública provocada por um governo que não combateu o crime organizado, não investiu na valorização das forças policiais, não reforçou as estruturas de segurança, principalmente no interior. Um verdadeiro fracasso, e quem paga o preço é o povo baiano”, afirmou.

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Projeto de Lei que prevê cobertura em estacionamento de Shoppings é aprovado em primeira votação
Câmara Municipal

Projeto de Lei que prevê cobertura em estacionamento de Shoppings é aprovado em primeira votação

Ao Acorda Cidade, o vereador citou o preço que muitos estabelecimentos cobram e não oferecem uma estrutura a...

Após ser criticado, prefeito diz que vereador precisa se comportar como pato novo
Política

Após ser criticado, prefeito diz que vereador precisa se comportar como pato novo

Procurado pelo Acorda Cidade, Colbert Martins declarou que o atual presidente da Câmara da capital baiana, te...

Comissão da Câmara barra a tramitação de emendas que extinguiriam gratificações e criação de cargos
Política

Comissão da Câmara barra a tramitação de emendas que extinguiriam gratificações e criação de cargos

A Comissão de Constituição, Justiça e Redação, no entanto, apresentou pareceres genéricos em que afirma...

Vídeo

Influencers celebram Hit das Vacinas por incentivar jovens a se imunizarem contra Covid-19 Veja mais Vídeos ›

Ouça Agora

Programa desta quarta-feira 22.09:
Mais áudios ›

Facebook

Instagram