Acorda Cidade - Dilton Coutinho

20 de Setembro de 2021
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Viagens

Todas as notícias
Publicado em 29/07/2021 22h38.

Turismo Gastronômico impulsiona desenvolvimento de comunidades rurais

O turismo gastronômico pode ser vivenciado em diferentes partes do mundo. Quando combinado com a gastronomia sustentável impulsiona as comunidades rurais.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Turismo Gastronômico impulsiona desenvolvimento de comunidades rurais
Foto: Pixabay

Acorda Cidade

Ao planejar uma viagem, possivelmente estará incluído no roteiro conhecer algum restaurante ou experimentar um prato típico.Quem vai para Minas Gerais não pode deixar de provar os queijos, na Bahia o foco é o Acarajé e no Rio Grande do Sul o café colonial. Uma viagem com o foco em provar novos sabores faz parte do turismo gastronômico.

A questão é que esse tipo de viagem visa degustar sem pressa esses sabores. Não se trata de apenas sentir o gosto, mas entender toda a cultura que existe por trás. Ou seja, descobrir e entender de onde surgiu a tradição, origem dos ingredientes e forma de preparo.

Se por um lado o setor de restaurantes teve uma queda de faturamento de cerca de 40% em 2020 comparado ao ano anterior, o da indústria cresceu. Isso quer dizer que o setor gastronômico possui espaço para crescer e focar nos turistas.

O turismo gastronômico impulsionando o turismo rural

A gastronomia sustentável é uma expressão cultural e, por conta da pandemia, o turismo gastronômico acabou impulsionando o turismo rural. Afinal, em busca da gastronomia saudável, há uma busca pelos produtores.

Eles consideram a origem dos alimentos na sua forma mais natural possível, sem que haja desperdício ou consumo exagerado de embalagens. E, se antes os turistas procuravam hospedagem em ambientes rurais para estar próximo a natureza, a exigência aumentou.

Mas, a preocupação com a saúde está em primeiro lugar. Então, quem gosta de provar novos sabores e não abre mão das gostosuras, adotam maneiras para viajar com segurança.

Para isso, buscam locais que não encontrem aglomeração e o interior, especialmente pequenas cidades, oferecem tudo o que os turistas procuram nessa época. Além de novos sabores e a cultura típica da região, os visitantes aproveitam, em muitos desses destinos, diferentes atrativos naturais.

Mas, esse é outro ponto que merece atenção. Nesse ponto, a contratação do seguro para viagens passa a ser cada vez mais um item essencial, especialmente quando os viajantes podem contar com a cobertura para Covid-19 no seguro viagem.

Afinal, é importante garantir a tranquilidade durante a viagem. De acordo com dados da CNSeg, em 2021 aumentou a procura para a emissão dessa proteção.

A ideia agora é estar em contato com uma cultura rural, ter proximidade com a natureza, bem como conhecer a culinária local, garantindo uma viagem segura.

A comunidade rural tem percebido essa mudança e conta com ajuda para atrair cada vez mais esses visitantes, aumentando assim, a lucratividade da região. Entre os apoios, a Organização Mundial do Turismo (OMT) é uma das que apoiam iniciativas que visam a retomada do turismo aliada ao desenvolvimento sustentável.

Essa nova tendência tem evitado o esvaziamento rural e deve se tornar uma tendência no pós pandemia.

O turismo gastronômico ajuda as comunidades rurais mesmo nas grandes cidades

Já entendemos que a gastronomia pode abrir portas para o turismo rural, mas nem todos estão dispostos a vivenciar tudo desde a origem. Mesmo nas grandes cidades é possível fazer turismo gastronômico pensando na sustentabilidade.

Os restaurantes selecionam os seus fornecedores e buscam comprar os itens diretamente dos produtores rurais. Dessa forma podem contar uma história do alimento até o momento em que ele chega à mesa. Essa é uma tendência cada vez mais crescente. A combinação de alimentos direto do produtor para a mesa combinados com a cultura local.

Outra possibilidade é fazer um passeio gastronômico de apenas um dia, sem precisar praticar o turismo rural. Nesse caso se escolhe visitar um produtor, conhecer como os produtos são produzidos e degustá-los.

Um exemplo é a Rota do Café em Serra Negra, SP. Ela possui apenas 8 km de extensão que podem ser percorridos em um dia. Nela é possível fazer paradas em museus, ranchos, restaurantes e fazendas de café.

O passeio permite conhecer as delícias locais e incentiva os produtores rurais que estarão recebendo os visitantes e vendendo os seus produtos.

Onde fazer turismo gastronômico rural?

Petrópolis –RJ

Próximo a capital fluminense fica Petrópolis. A cidade já aposta no turismo gastronômico e rural há algum tempo. Por lá é possível se hospedar em fazendas e conhecer as geleias, vinícolas, cachaçarias e hortas da região.

Além de conhecer como tudo é produzido, se consegue provar as delícias e depois retornar ao hotel e ficar em contato com a natureza.

Serra da Canastra - MG

Minas Gerais não poderia ficar de fora, afinal, seus queijos são conhecidos mundialmente. Conhecer como é produzido um dos queijos mais famosos do mundo é uma grande oportunidade.

Claro que o estado é também conhecido pela sua culinária como o torresmo, pão de queijo e muitos outros pratos típicos. Todos eles farão parte do roteiro.

Hanói – Vietnã

Para quem busca lugares inusitados e fora do Brasil, o Vietnã aparece como opção. O país é bastante conhecido pela sua culinária de rua e para nós alguns pratos exóticos como café feito com clara de ovos.

Além de provar os sabores nas barracas que ficam nas ruas, é possível conhecer onde parte dos alimentos são produzidos. O papel do arroz é muito usado na culinária local e é produzido artesanalmente em comunidades rurais.

O turismo gastronômico é uma grande tendência já que a experiência não pode ser substituída por outros sentidos. Enquanto ele cresce, ajuda a impulsionar outros setores como as comunidades rurais.

Por: Jeniffer Elaina, do site Smartia.com.br.
  

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Itamaraty divulga países que flexibilizaram a entrada de brasileiros
Pandemia

Itamaraty divulga países que flexibilizaram a entrada de brasileiros

Levantamento é divulgado no site do ministério

Turismo reaquece no Norte e Nordeste com avanço da vacinação
Brasil

Turismo reaquece no Norte e Nordeste com avanço da vacinação

Seja para fugir do frio ou aproveitar belíssimas paisagens naturais, turistas têm viajado mais e proporciona...

Rota dos cruzeiros de verão pode ganhar três novos destinos baianos
Turismo

Rota dos cruzeiros de verão pode ganhar três novos destinos baianos

As regiões selecionadas possuem píeres adequados para as operações dos navios, mas são necessárias outra...

Vídeo

Folheteiro e cordelista, Jurivaldo Alves reforça o papel da literatura de cordel para a história Feira de Santana Veja mais Vídeos ›

Ouça Agora

Programa desta segunda-feira 20.09:
Mais áudios ›

Facebook

Instagram