Acorda Cidade - Dilton Coutinho

23 de Outubro de 2021
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Ciência e Tecnologia

Todas as notícias
Publicado em 15/07/2021 09h12.

UFRJ desenvolve teste de baixo custo para detecção de covid-19

Segundo desenvolvedores, eficácia é de 100% se comparada ao teste PCR
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
UFRJ desenvolve teste de baixo custo para detecção de covid-19
Foto: Artur Moês/ Coordcom UFRJ

Acorda Cidade

Cientistas do Instituto de Bioquímica Médica (IBqM/UFRJ) e do campus Duque de Caxias da UFRJ criaram um kit que diagnostica a presença de coronavírus a partir de amostras de saliva e de secreção nasal. A novidade é que em menos de uma hora e ao custo de apenas R$ 30 é possível concluir se o Sars-CoV-2 está no organismo.

O kit desenvolvido pela UFRJ identifica pedaços do RNA do coronavírus, usando um banho-maria a 60º C, pipetas e tubos de ensaio. Exames realizados em 60 pacientes revelaram que a invenção é 100% eficaz quando comparada ao tradicional PCR, que é mais caro. O Centro de Triagem Diagnóstica para COVID-19 da UFRJ, coordenado pela pesquisadora Terezinha Castiñeiras, cedeu as amostras. O Laboratório de Virologia Molecular do Instituto de Biologia da UFRJ, coordenado pelo cientista Amilcar Tanuri, também apoiou a iniciativa.

O Lamp-COVID-19, como o teste desenvolvido é chamado, amplifica o genoma viral em menos de meia hora e consegue encontrar até dez cópias do vírus considerando uma única amostra. O exame pode ser realizado em lugares com pouca infraestrutura, inclusive em clínicas, e o resultado é conferido de forma colorimétrica, ou seja, a partir da cor exibida pelo material. A amostra fica rosa se o resultado der negativo; ou amarela, se positivo.


Teste Lamp-COVID-19 da UFRJ
Exames a partir da coleta da saliva são menos invasivos e, portanto, uma saída quando falamos de crianças, ainda mais quando estão hospitalizadas e precisam se submeter a testes por várias vezes. Sem causar o incômodo da coleta nas vias do nariz e garganta, os pequenos continuariam sendo testados.

A pesquisadora Fabiana Ávila Carneiro, vice-coordenadora da pesquisa dirigida pela cientista Mônica Lomeli, afirma que o envio ao SUS é a meta prioritária.

"Queremos tornar possível a comercialização dos testes, por isso estamos em busca de parceiros que nos ajudem a produzir em larga escala. O SUS, nosso Sistema Único de Saúde, é a meta prioritária, pois dessa forma poderemos contribuir para o maior acesso da população ao diagnóstico e cooperar para o enfrentamento da pandemia em nosso país", informou Fabiana Ávila Carneiro, pesquisadora do campus Duque de Caxias da UFRJ e vice-coordenadora da pesquisa.


A equipe de pesquisa conta com cinco estudantes. Eles fundaram a startup Osiris Life Sciences, que desenvolveu a proteína a ser usada como reagente nos kits de diagnóstico. O time é multidisciplinar e integra alunos de Biotecnologia, Engenharia Química, Engenharia de Bioprocessos e Nanotecnologia.
 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Instagram permitirá criar posts com dois autores e publicar pelo computador
Tecnologia

Instagram permitirá criar posts com dois autores e publicar pelo computador

Com a opção de fotos e vídeos em conjunto, o mesmo conteúdo será exibido em dois perfis e compartilhará ...

Ideias inovadoras para setores de serviços básicos serão premiadas em competição
Ciência e Tecnologia

Ideias inovadoras para setores de serviços básicos serão premiadas em competição

Podem participar Hackathon Start estudantes de graduação; inscrição vai até o dia 31/10

Ciência

Medicamento da AstraZeneca reduz mortes e casos graves de covid-19

Coquetel de drogas experimentais ainda está em fase de teste

Vídeo

Comerciantes dizem que podem voltar à Sales Barbosa se não houver diálogo com o prefeito Veja mais Vídeos ›

Ouça Agora

Programa desta sexta-feira 22.10:
Mais áudios ›

Facebook

Instagram