Acorda Cidade - Dilton Coutinho

17 de Junho de 2021
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Dilton e Feito

Todas as notícias
Publicado em 11/06/2021 09h48.

Ciro vê possível candidatura de Mandetta como entrave a palanque com DEM

Pedetista, que costura aliança com o partido de ACM Neto, cita intenção do ex-ministro da Saúde de disputar o Planalto.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Ciro vê possível candidatura de Mandetta como entrave a palanque com DEM
Foto: Reprodução/Facebook | Ciro Gomes

O presidenciável Ciro Gomes (PDT) afirmou nesta quinta-feira (10), em Salvador, que a possibilidade de o DEM lançar para disputa o nome do ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta pode ser um entrave na construção de uma eventual aliança com o partido, comandado por ACM Neto.

Questionado em coletiva de imprensa virtual sobre as tratativas para uma eventual dobradinha com o ex-prefeito de Salvador e pré-candidato ao Palácio de Ondina, o ex-governador cearense disse que as conversas estão sendo conduzidas pela Executiva nacional da sigla trabalhista.

“[Vou] responder respeitando a ideia de que o DEM está examinando a possibilidade de ele próprio ter um candidato, que é o ex-ministro Mandetta. Isto dito, nós temos, sim, conversado bastante. Temos conversado sobre o Brasil, sobre a situação econômica, sobre a pandemia e sobre o futuro do país. Quem conduz essas conversas por mim é o presidente [nacional do PDT] Carlos Lupi, que fala por mim, me representa e tem a procuração plena para fazer os entendimentos”, declarou.

Em visita à Bahia desde o início da semana, Ciro não teve qualquer encontro com ACM Neto. Sua agenda em incluiu apenas compromissos com correligionários e um périplo por cidades do interior, onde gravou vídeos com o marqueteiro baiano João Santana.

De acordo com o pedetista, a intenção da sigla na corrida eleitoral é montar uma ampla aliança de centro-esquerda focada no que chamou de “novo projeto nacional de desenvolvimento”.

“O que é isso na prática? Nós queremos nuclear o PSB, que é o partido do finado ex-governador Eduardo Campos, de Pernambuco; o PDT, que é o meu partido; o PV; a Rede, que é da Heloísa Helena, do Randolfe Rodrigues, que está fazendo um belíssimo trabalho na CPI, e da Marina Silva. Esse grupo pretende conversar com outras forças mais à direita, ao centro e a centro-direita”, afirmou. (Com informações do site Bahia.Ba)

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Otto defende R$ 1 bilhão por ano para revitalização do São Francisco
Política

Otto defende R$ 1 bilhão por ano para revitalização do São Francisco

O senador Otto informou ainda durante a sessão que já havia destinado R$ 900 milhões no orçamento para a r...

Criação de delegacia especializada em violência contra o idoso é proposta na Câmara
Câmara Municipal

Criação de delegacia especializada em violência contra o idoso é proposta na Câmara

O vereador frisou que se faz necessário implantar diversas delegacias nas principais cidades da Bahia para qu...

Vereadora Eremita Mota explica agitação na Câmara: 'ele disse que meteria a mão na minha cara'
Política

Vereadora Eremita Mota explica agitação na Câmara: 'ele disse que meteria a mão na minha cara'

Em conversa com o Acorda Cidade, a vereadora explicou o motivo pelo qual Correia Zezito se exaltou.

Vídeo

Prefeitura vai pagar mais de R$ 1,5 milhão para transmitir aulas da rede municipal pela TV Veja mais Vídeos ›

Ouça Agora

Programa desta quinta-feira 17.06:
Mais áudios ›

Facebook

Instagram