Acorda Cidade - Dilton Coutinho

16 de Maio de 2021
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Dilton e Feito

Todas as notícias
Publicado em 04/05/2021 15h15.

'Precisamos ter mulheres liderando os blocos de partidos na Alba', diz Olívia Santana

Deputada foi titular da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Bahia (SPM-BA).
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
'Precisamos ter mulheres liderando os blocos de partidos na Alba', diz Olívia Santana
Foto: Divulgação/Assessoria | Deputada Olívia Santana

A Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), através da Comissão dos Direitos da Mulher, realizou na manhã desta terça-feira (4), um ato em celebração aos 10 anos da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Bahia (SPM-BA). A ex-secretária da pasta e atual presidente da Comissão dos Direitos da Mulher da Alba, a deputada Olívia Santana lembrou a importância da construção da legitimidade das mulheres, inclusive dentro dos espaços de poder político.

“É preciso, cada vez mais, legitimar as vozes das mulheres. Cada vez que uma mulher é deslegitimada, o machismo ganha. Precisamos que o conjunto da sociedade se envolva com essa pauta. A Assembleia também precisa avançar ainda mais no empoderamento das mulheres da Casa. Precisamos ter mulheres deputadas liderando os blocos de partidos na Alba. Pensar nessa sensibilidade de gênero deve ser um exercício cotidiano e isso acontece quando vemos a estrutura sendo transformada, com a existência de relações de cooperação”, afirmou Olívia.

Na ocasião, foram assinados dois convênios de cooperação técnica entre os órgãos, um para a produção de conteúdo pela TV Alba, através da Fundação Paulo Jackson, sobre as pautas das mulheres, e outro criando o selo “Respeita as Mina” para a publicação de teses, dissertações, monografias, coletânea de artigos, estudos e outros documentos voltados para o tema.

O presidente da Alba, deputado Adolfo Menezes, abriu o ato e destacou o papel da SPM-BA no empoderamento das mulheres e enfrentamento à violência de gênero. “Podem ter certeza que, durante minha presidência, estaremos juntos, no mesmo propósito, para diminuir a violência contra as mulheres”, destacou Adolfo. A atual titular da SPM-BA, Julieta Palmeira, ressaltou que a criação da secretaria “atende a reivindicação dos segmentos de mulheres, é uma política pública, porque envolve as ações e os organismos públicos para que as iniciativas possam ser implementadas”. (Com informações do site Bah

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Rui Costa lamenta morte do prefeito de São Paulo, Bruno Covas
Dilton e Feito

Rui Costa lamenta morte do prefeito de São Paulo, Bruno Covas

"Que Deus, em sua infinita sabedoria, conforte a família e os amigos", disse o governador através das redes ...

'É muito triste ver o Brasil se despedir de uma liderança tão importante', diz ACM Neto sobre Bruno Covas
Dilton e Feito

'É muito triste ver o Brasil se despedir de uma liderança tão importante', diz ACM Neto sobre Bruno Covas

Político da minha geração, sei que ainda tinha muito a contribuir com São Paulo e com o Brasil”, afirmou ...

Prefeito Colbert Filho lamenta morte de Bruno Covas
Dilton e Feito

Prefeito Colbert Filho lamenta morte de Bruno Covas

Bruno Covas morreu de câncer depois de lutar muito contra a doença

Vídeo

Santa Casa de Misericórdia inaugura 8 leitos de UTI exclusivos para Covid-19 em Feira de Santana Veja mais Vídeos ›

Facebook

Instagram