Acorda Cidade - Dilton Coutinho

18 de Abril de 2021
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Bahia

Todas as notícias
Publicado em 07/04/2021 17h50.

Companheiros há quase 50 anos, casal morre por Covid-19 em intervalo de 6 dias no sul da Bahia

Higino e Nair Barros estavam juntos há 48 anos e morreram entre o final de março e início de abril. Ele era rodoviário e trabalhava com estudantes universitários em Ubatã, enquanto ela era enfermeira aposentada.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Companheiros há quase 50 anos, casal morre por Covid-19 em intervalo de 6 dias no sul da Bahia
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Acorda Cidade

Um casal de idosos de Ubatã, no sul da Bahia, que estava junto há quase 50 anos, morreu em decorrência da Covid-19, em um intervalo de seis dias um do outro. Higino Barros dos Santos, de 69 anos, morreu na segunda-feira (5), menos de uma semana depois de perder a esposa, Nair, de 68, em 29 de março.

Eles eram casados há 48 anos e tiveram que se separar no dia 15 de março, quando Nair deu entrada na Clínica São Roque, em Ipiaú, cidade vizinha a Ubatã, com problemas respiratórios. Ela ficou internada por nove dias e foi transferida para o Hospital de Ilhéus. Com o quadro de Covid-19, Nair precisou ser intubada, mas não resistiu.

Higino começou a apresentar os sintomas da doença quando a companheira já estava hospitalizada. No dia 25 de março, ele foi levado pelos familiares ao Hospital Municipal de Ubatã e transferido para o Hospital Geral de Ipiaú, onde ficou intubado. A situação se agravou e Higino morreu na última segunda-feira (5). Quando Nair morreu, Higino estava intubado e não soube do falecimento da esposa.

Auana Barros, neta do casal, disse que a perda dos avós causa tristeza, mas também uma lição de vida para a família e as pessoas que conviveram com Higino e Nair.

“Eles tiveram muita união e criaram os filhos e netos com muita batalha. Eles eram muito próximos. Tanto em vida, como também agora nesse momento. Eles viveram juntos e foram embora juntos”, disse Auana.
A morte dos idosos em um intervalo de tempo tão curto causou comoção na comunidade onde moravam.

Nair era enfermeira aposentada e, por coincidência, atuou no hospital onde o marido foi atendido quando apresentou os sintomas mais agudos da doença. Gino, como era conhecido, era rodoviário e fazia o transporte de estudantes para as faculdades em Ilhéus. Eles deixaram nove filhos e 20 netos.

Gino e Nair foram sepultados no Cemitério de Ubatã.

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Conecta Bahia levará Wi-Fi gratuito a cidades baianas
Bahia

Conecta Bahia levará Wi-Fi gratuito a cidades baianas

A ação é um importante passo na popularização da internet no estado

Governo prorroga toque de recolher e proibição de shows e festas em toda a Bahia
Bahia

Governo prorroga toque de recolher e proibição de shows e festas em toda a Bahia

A restrição de locomoção noturna vale das 20h às 5h, sendo vedado a qualquer indivíduo a permanência e ...

Santa Bárbara possui dívida de mais de R$ 5 milhões e está negativado no CAUC, o 'SPC' das prefeituras
Região

Santa Bárbara possui dívida de mais de R$ 5 milhões e está negativado no CAUC, o 'SPC' das prefeituras

O desfalque nos cofres públicos do município foi apresentado em relatório detalhado produzido pela nova ges...

Vídeo

Idosos e acompanhantes se aglomeram em fila de vacina na UBS do Dispensário Santana Veja mais Vídeos ›

Facebook

Instagram