Acorda Cidade - Dilton Coutinho

17 de Abril de 2021
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Saúde

Todas as notícias
Publicado em 05/03/2021 11h13.

7 pacientes aguardam transferência para UTIs em Feira de Santana

De acordo com o Secretário Municipal de Saúde, Edval Gomes, atualmente o município dispõe de 13 leitos monitorados com capacidade de ventilação mecânica distribuídas nas policlínicas.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
7 pacientes aguardam transferência para UTIs em Feira de Santana
Foto: Sesab | Imagem ilustrativa

Gabriel Gonçalves

Atualizada às 12:45

Durante a coletiva de imprensa realizada pela Prefeitura Municipal de Feira de Santana na manhã desta sexta-feira (5), o diretor do Hospital de Campanha, Francisco Mota, destacou que até o dia de ontem (4), sete pacientes estavam aguardando na fila para serem transferidas para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

"Essa fila é muito variável e o que acontece é que o Hospital de Campanha neste momento está com todas as Unidades lotadas. Se tiver alguma alta ou infelizmente algum óbito, naturalmente uma vaga vai estar disponível. É claro que não existe apenas o Hospital de Campanha, temos o Hospital Geral Clériston Andrade, mas o que podemos afirmar neste momento, é que no dia de ontem, sete pacientes estão aguardando por falta de UTI. Esses pacientes permanecem nas UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) e policlínicas. Assim como o Secretário Edval Gomes já confirmou, essas unidades estão prontas para receber estes pacientes e ficam aguardando surgir uma vaga de UTI para serem transferidos, seja para o Hospital de Campanha ou o Clériston Andrade", explicou.

Segundo a infectologista e coordenadora do Comitê de Enfrentamento à Covid-19, Melissa Falcão, a dificuldade para ter disponibilidade de leitos de UTI, não acontece apenas na rede pública, mas também na rede privada. Mesmo com a abertura de novos leitos, é preciso que a população tenha consciência para que a taxa de infecção possa reduzir.

"Estamos vendo essa dificuldade de leitos, tanto na rede pública, quanto na rede privada. Duas unidades particulares aqui no município abriram novas UTIs para o enfrentamento contra o vírus, mas não está sendo suficiente porque assim que esses leitos foram abertos, de imediato, foram ocupados. Estamos trabalhando para viabilizar abertura de mais leitos, mas se não existir a redução da infecção, os leitos não serão suficientes. Quero também afirmar que este problema não é de Feira de Santana e sim de todo o Brasil, essa variante causou a mudança do padrão de todo o país e corremos o risco do Brasil inteiro passar pela mesma situação que Manaus passou. As filas continuam existindo e enquanto continuar com pessoas infectadas, iremos continuar desta forma, precisamos reduzir as taxas e contamos com a ajuda de todos", declarou.

De acordo com o Secretário Municipal de Saúde, Edval Gomes, atualmente o município dispõe de 13 leitos monitorados com capacidade de ventilação mecânica distribuídas pelas Policlínicas.

"Nós temos atualmente 13 leitos monitorados com capacidade de ventilação mecânica e assistência médica que estão localizadas entre as Policlínicas e UPAs, havendo a capacidade de ampliação a depender da situação. Nós contactamos com essas unidades duas vezes ao dia, para que a gente possa ter noção do que está acontecendo. No dia de ontem, não tinha nenhuma ocupação por Covid-19 de forma grave nesses leitos e hoje já temos um pacientes de Humildes que está sendo transferido para o Hospital de Campanha, de modo que ainda temos três leitos à disposição nessas unidades, se porventura houver a necessidade", concluiu.

Fila de espera na Bahia

Em toda a Bahia, neste momento, a fila de espera por um leito para tratamento da doença tem mais de 320 pessoas, segundo informou nesta sexta-feira (5), a secretária da Saúde em exercício, Tereza Paim, que voltou a alertar sobre a alta ocupação dos leitos de Covid-19.

Ela destaca que “mais do que abrir novos leitos, a necessidade é de conscientização da população, para que evite novas contaminações e a consequente sobrecarga do sistema de saúde.”
 

Leia também:

Variante do coronavírus circula desde dezembro em Feira de Santana; 4 novas cepas confirmadas

Apenas 5% da população foi vacinada contra covid-19 em Feira de Santana

Laboratório identifica aumento por procura de exames para detecção de covid-19

Covid-19: superlotado, Hospital de Campanha de Feira de Santana vai ativar mais 15 leitos

Primeiro tratamento experimental com plasma contra covid-19 é realizado em Feira de Santana

Hospital de Campanha participa de estudo sobre medicamento para Covid-19

Fonte: Acorda Cidade
 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Bahia registra 3.889 novos casos de Covid-19 e mais 94 óbitos pela doença
Saúde

Bahia registra 3.889 novos casos de Covid-19 e mais 94 óbitos pela doença

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.167.911 casos descartados e 192.768 em investigação.

Covid-19: mais 146 casos são confirmados neste sábado (17)
Saúde

Covid-19: mais 146 casos são confirmados neste sábado (17)

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 129 pacientes internados no município e 3.780 casos ativos.

Dia Mundial da Hemofilia: condição genética dificulta coagulação
Saúde

Dia Mundial da Hemofilia: condição genética dificulta coagulação

No Brasil, desordem afeta mais de 24 mil pessoas

Vídeo

Idosos e acompanhantes se aglomeram em fila de vacina na UBS do Dispensário Santana Veja mais Vídeos ›

Facebook

Instagram