Acorda Cidade - Dilton Coutinho

18 de Janeiro de 2021
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Economia

Todas as notícias
Publicado em 11/01/2021 17h07.

Ford encerra a produção de veículos no Brasil

No país, serão mantidos apenas o Centro de Desenvolvimento de Produto, na Bahia, e o campo de provas e sua sede administrativa para a América do Sul, ambos em São Paulo.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Ford encerra a produção de veículos no Brasil
Foto: Divulgação | Fábrica do Ford Ka, em Camaçari/Ba

Acorda Cidade

Agência Brasil - A montadora Ford anunciou hoje (11) que fechará suas fábricas no Brasil. Serão fechadas as plantas de Camaçari (BA) e Taubaté (SP). Será mantida apenas por alguns meses a produção de peças para suprir o estoque de pós-venda. A fábrica da Troller, em Horizonte (CE), será fechada no último trimestre de 2021.

O mercado nacional será abastecido com veículos produzidos, principalmente, na Argentina e no Uruguai, países cujas operações da empresa não serão afetadas. A montadora encerrará as vendas dos modelos EcoSport, Ka e T4 assim que terminarem os estoques.

A empresa manterá apenas o Centro de Desenvolvimento de Produto, na Bahia; o Campo de Provas, em Tatuí (SP); e sua sede regional em São Paulo.

A justificativa é a crise gerada pela pandemia que atinge o mundo desde o início de 2020. Segundo a Ford, a pandemia da covid-19 "amplia a persistente capacidade ociosa da indústria e a redução das vendas, resultando em anos de perdas significativas".

“A Ford está presente há mais de um século na América do Sul e no Brasil e sabemos que essas são ações muito difíceis, mas necessárias, para a criação de um negócio saudável e sustentável”, disse Jim Farley, presidente e CEO da Ford.

A companhia não informou qual será o número de funcionários demitidos, disse apenas que trabalhará "com os sindicatos, nossos funcionários e outros parceiros para desenvolver medidas que ajudem a enfrentar o difícil impacto desse anúncio”.

O Governo da Bahia emitiu uma nota sobre o fechamento.

Governo da Bahia já busca alternativas para substituir a Ford

O Governo do Estado lamenta o encerramento da produção nas plantas da Ford em Camaçari (BA), Taubaté (SP) e da Troller, em Horizonte (CE). O governo destaca os impactos socioeconômicos consequentes do fechamento da empresa, importante geradora de empregos e renda no estado.

Assim que foi informado, o governador Rui Costa entrou em contato com a Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb) para discutir a formação de grupo de trabalho para avaliar possibilidades alternativas ao fechamento. O governo estadual também entrou em contato com a Embaixada Chinesa para sondar possíveis investidores com interesse em assumir o negócio na Bahia.

A decisão da Ford foi informada ao governador Rui Costa durante reunião virtual com representantes da empresa nesta segunda-feira (11). Em nota distribuída à imprensa, a Ford afirma que “a persistente capacidade ociosa da indústria e a redução das vendas, resultando em anos de perdas significativas", são motivadores da decisão.

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Pagamento de indenizações do Dpvat passa a ser feito pela Caixa
Brasil

Pagamento de indenizações do Dpvat passa a ser feito pela Caixa

A medida começa a valer a partir desta segunda-feira

Indústrias vão investir R$ 10 milhões em Feira de Santana e Brumado
Bahia

Indústrias vão investir R$ 10 milhões em Feira de Santana e Brumado

A empresa MSR pretende fabricar chapas diversas, telas metálicas, estruturas metálicas, reservatórios e tan...

PIX: com grande aceitação do público, moeda pode parar de circular no mercado, afirma economista
Dinheiro virtual

PIX: com grande aceitação do público, moeda pode parar de circular no mercado, afirma economista

Depois da chegada do cartão de crédito e débito, a utilização do PIX pode fazer com que a moeda pare de c...

Vídeo

Incêndio destrói dois ônibus da banda Os Clones em Feira de Santana Veja mais Vídeos ›

Facebook

Instagram