Acorda Cidade - Dilton Coutinho

08 de Março de 2021
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Dom Itamar Vian

Todas as notícias
Publicado em 31/12/2020 10h45.

O tempo e a vida

Quando um ano termina e outro começa, pensamos mais na vida e no tempo. É uma bênção de Deus poder virar mais uma página da Folhinha e desfrutar o bem da vida, com sua luz e sua cruz. Mas, o viver não é só contar o tempo que passa. O que vale mesmo, é o tempo bem vivido e a vida partilhada.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra

O TEMPO é um precioso presente que Deus nos dá. E porque é um presente, devemos cuidar dele. O dia de hoje é o mais importante de nossa vida. É tão importante, que dele pode depender a eternidade. Por isso, devemos empregá-lo da melhor maneira, isto é, servindo às pessoas, especialmente, às mais necessitadas: doentes, crianças, idosos, pobres, deficientes, drogados...

OUTRA atitude prudente é não jogar para o futuro as nossas decisões. Deus oferece sempre e a todos, o perdão, mas não garante a ninguém o dia de amanhã. O tempo de Deus, é hoje. O passado, deve ser entregue à misericórdia de Deus, e o futuro, à sua providência. Peregrinos, sem previsão de chegada, temos em mãos a preciosa moeda do presente.

DIANTE disso, surge a pergunta: como estou ocupando o tempo? O tempo é abstrato e concreto. Falamos de perder tempo, ganhar tempo, recuperar o tempo perdido, passar o tempo, avaliar quanto tempo ainda temos. É algo bem concreto e nós o manejamos todo dia. Mas também, é abstrato, invisível. Todos sabemos o que é o tempo, mas não sabemos explicá-lo.

NA REALIDADE, todos nós temos muito tempo. O que acontece é a má distribuição do tempo que Deus nos dá. O dia tem 24 horas, a semana sete dias, ou se quisermos, 168 horas. Em cada dia transcorrem 1.440 minutos ou 86.400 segundos. Esse é o tempo que Deus nos concede. A distribuição fica por nossa conta. É sempre interessante analisar como gastamos nosso tempo. Se não sobramos tempo para coisas importantes, é porque o esbanjamos em coisas sem importância.

O LIVRO do Eclesiastes lembra: “Cada coisa tem seu tempo neste mundo” e Jesus afirma que o tempo é como uma nuvem que passa. Sempre mais fiquemos atentos para não desperdiçar nada do tempo. É com ele que vivemos, nos realizamos e preparamos a eternidade. Vamos, por isso, ocupar bem todos os dias do ano 2021, praticando boas obras, a exemplo de Jesus. Com essa certeza, desejo a você, um abençoando Ano Novo.


Dom Itamar Vian
Arcebispo Emérito
[email protected]


 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Dom Itamar Vian

Mulheres corajosas

No dia 8 de março, celebramos o Dia Internacional da Mulher. Uma ocasião adequada para pensar, refletir e e...

Dom Itamar Vian

A favor da vacina

O Papa Francisco, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil - CNBB -, o Cardeal Odilo Pedro Scherer, o Arce...

Dom Itamar Vian

Dialogar é preciso

Todos os anos, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), apresenta, durante a quaresma, a Campanha ...

Vídeo

Passageiros de transporte coletivo enfrentam superlotação e risco de contaminação por covid-19 Veja mais Vídeos ›

Facebook

Instagram