Acorda Cidade - Dilton Coutinho

23 de Outubro de 2020
Facebook Twitter WhatsApp
WhatsApp 75 98297 4004
Rádio Acorda Cidade

Coronavírus (COVID-19) - Feira de Santana

Eleições

Todas as notícias
Publicado em 17/10/2020 13h55.

Irmão de candidato a prefeito em Mutuípe preso em flagrante fica proibido de fazer campanha

Ele foi flagrado no último dia 9 com R$ 50 mil em dinheiro trocado com notas de R$ 50, guardado em um saco preto, dentro de um veículo.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Irmão de candidato a prefeito em Mutuípe preso em flagrante fica proibido de fazer campanha
Foto: Tribuna do Recôncavo

Acorda Cidade

A Justiça acatou parecer do Ministério Público eleitoral, emitido pelo promotor de Justiça Thiago Cerqueira, e proibiu Gilberto dos Santos Rocha Filho, irmão de candidato a prefeito em Mutuípe, de participar de atos de propaganda eleitoral em bares, festas e comitês de campanha, além de se ausentar do município sem autorização do juízo eleitoral. A decisão foi proferida hoje, dia 16, pelo juiz Fabiano Soares que, seguindo entendimento do MP, homologou o auto de prisão em flagrante delito contra Gilberto Filho.

Segundo a decisão e o parecer, Gilberto dos Santos foi flagrado no último dia 9 com R$ 50 mil em dinheiro trocado com notas de R$ 50, guardado em um saco preto, dentro de um veículo que ele conduzia na BR-101, no município de Laje. Com o montante, havia material publicitário de dois candidatos a prefeito.

O promotor de Justiça Thiago Cerqueira e o juiz entenderam que ele foi flagrado cometendo crime antecedente de lavagem de dinheiro com fins eleitorais. “O valor apreendido é mais de 46 vezes superior ao permitido para doações em espécie (R$ 1.064), o que revela a sua origem ilícita. Ademais, o flagranteado foi apreendido com valores que aparentavam ter sido recentemente sacados, com material publicitário de dois candidatos, apresentava-se nervoso, sem querer declinar a origem do numerário, além de ter tentado fugir ao visualizar a polícia na estrada”, afirmou o promotor no parecer.

Na decisão, o juiz pontuou que a prisão preventiva pode ser decretada, caso Gilberto Filho descumpra as medidas cautelares. Ele se encontra em liberdade, depois de pagar fiança estabelecida pela polícia. 

Comentários

AVISO: os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Acorda Cidade.
É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Acorda Cidade pode até retirar, sem prévia notificação, comentários ofensivos e com xingamentos e que não respeitem os critérios impostos neste aviso.



Mais Notícias

Eleições: PF usará drones para flagrar crimes como boca de urna
Brasil

Eleições: PF usará drones para flagrar crimes como boca de urna

Drones vão sobrevoar zonas eleitorais para inibir condutas vedadas

José de Arimateia promete priorizar atenção básica e criar agência de desenvolvimento econômico
Eleições 2020

José de Arimateia promete priorizar atenção básica e criar agência de desenvolvimento econômico

Construção de escolas em tempo integral também são destaques no plano de governo.

Serra Preta

Coligações partidárias de Serra Preta se comprometem a não fazer comícios e passeatas

Segundo o acordo, firmado no dia 19, os eventos de campanha serão fechados e respeitarão o limite de 50 pess...

Vídeo

Entrevista com a candidata a prefeita de Feira de Santana, Marcela Prest (PSOL) Veja mais Vídeos ›

Podcast

Entrevista com a candidata a prefeita de Feira de Santana, Marcela Prest (PSOL)
Veja mais PodCasts ›

Facebook

Instagram